Pelo planeta

Banda Massive Attack fará sua turnê de trem para não prejudicar o meio ambiente

Com apresentações em protestos do grupo de ativismo ambiental, Extinction Rebellion (Rebelião contra Extinção) e ações em prol do meio ambiente, o grupo foca agora em reduzir sua pegada de carbono como músicos

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

A banda Massive Attack anunciou que fará uma turnê pela Europa de trem para reduzir seu impacto no planeta.

A banda de hip hop de Bristol (Inglaterra) está consciente de seu impacto ambiental. Em 2019, eles tocaram em um protesto do grupo de ativismo ambiental, Extinction Rebellion (Rebelião contra Extinção), em Londres. Eles também apoiaram a pesquisa sobre a pegada de carbono da indústria da música doando quatro anos de dados de turnês à Universidade de Manchester.

O cantor Robert Del Naja – também conhecido como 3D – disse à BBC que a indústria da música e a sociedade como um todo precisam mudar.

“Como músicos, desfrutamos de um estilo de vida com alto teor de carbono”, disse ele ao programa Today da Radio 4. “Mas, como sociedade, todos nós já existimos em uma economia de combustíveis fósseis há muito tempo e tivemos muito pouca escolha nisso”.

Banksy

Há muito tempo rumores de que Del Naja também é Banksy, um artista de rua anônimo com obras de teor político, que se acredita estar em Bristol.

Del Naja iniciou sua carreira como grafiteiro e desenhou obras de arte para as capas dos álbuns do Massive Attack, cujos traços se parecem distintamente com os de Banksy. Ele também apareceu no documentário de 2010 do artista, “Exit Through the Gift Shop”.

Del Naja comentou sobre os rumores no passado, dizendo que ele é simplesmente amigo de Banksy. Mas o DJ Goldie certa vez se referiu a Banksy como “Robert” em um podcast, provocando suspeitas entre os fãs.

Outro elo entre Del Naja e Banksy é a preocupação com o meio ambiente. O artista indescritível fez declarações sobre a crise climática através de seus grafites. Em 2018, eles deixaram um mural em uma parede em Port Talbot, no País de Gales, destacando os problemas de poluição causados pela fábrica de aço Tata da cidade.

“Novas formas de fazer negócios”

Em abril de 2019, circulavam rumores de que Banksy estava por trás de um mural da Extinction Rebellion em Londres. O trabalho mostra uma criança sentada no chão segurando o logotipo do grupo em uma placa ao lado de uma planta que brota da terra. O slogan diz: “a partir deste momento o desespero termina e as estratégias começam”.

Del Naja – que atualmente está na França com a Massive Attack – também afirmou que é hora de uma nova abordagem para questões ambientais.

“O desafio agora é não apenas fazer sacrifícios pessoais”, disse ele, “mas insistir na mudança sistêmica necessária. Precisamos iniciar uma nova forma de fazer negócios”. As informações são do Livekindly.

Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, independentemente do valor, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.


 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui