Crueldade

Familiares retiram idosa de casa e abandonam dezenas de cães no imóvel

Foto: Reprodução/Viver no Morro e região

Os cachorros estão estressados, sem água e comida, vivendo em meio a entulho e fezes


Familiares retiraram uma idosa da casa onde ela vivia no Morro São Bento, em Santos (SP), no último sábado (11), e abandonaram dezenas de cães no local. Sem água e comida, os animas passavam fome e sede desde que foram deixados no imóvel.

Foto: Reprodução/Viver no Morro e região

De acordo com a moradora Tatiane Ciriaco, de 39 anos, a casa está repleta de entulho, fezes e parasitas. “O cheiro é insuportável e os animais estão estressados. Foram deixados em um lugar pequeno, dividindo espaço com baratas. Disseram que tem ratos também”, disse ao G1.

FAÇA PARTE DO #DiaDeDoarAgora EM 5 DE MAIO

Com a ajuda de uma amiga, ela comprou ração e alimentou os animais que conseguiu alcançar. “Eles não deixam entrar e lá dentro da casa, depois do quintal, tem animal trancado. Não conseguimos alimentar todos”, contou.

“Eu pensava que a idosa resgatava os cachorros na rua e colocava na casa dela, mas não. Os vizinhos que moram mais perto que eu contaram que ela deixou eles cruzarem até ter aquela quantidade”, completou.

Após várias denúncias, Edson Beserra, dono de uma página comunitária no Facebook, esteve no local. “Vi uma casa muito bagunçada, abandonada, com um acúmulo de coisas dentro. O cheiro era insuportável, muitos cães em diversos locais, separados por grupos”, afirmou.

“Consegui ter acesso à uma janela que dá pra ver a cozinha. Tem muitas baratas, ratos, tudo muito complicado. Os animais estavam quebrando os portões para fugir, desesperados. Os vizinhos colocaram sacos na frente para impedir a fuga”, acrescentou.

Foto: Tatiane Ciriaco/Arquivo Pessoal

Não se sabe a quantidade exata de animais que vive na casa, já que estão separados em grupos. Parte deles está trancada dentro do imóvel.

A Prefeitura de Santos informou, por meio de nota enviada ao G1, que o dono do imóvel esteve na segunda-feira (13) na Coordenadoria de Defesa da Vida Animal (Codevida) e foi informado que é de sua responsabilidade cuidar dos cães.

A Codevida afirmou que monitora a situação e se dispôs a castrar os animais e oferecer atendimento veterinário gratuitamente.

Denúncias de maus-tratos a animais em Santos podem ser feitas através do 162 ou do site Ouvidoria Digital de Santos.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, independentemente do valor, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.


DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui