Instituto resgata mais de 600 animais silvestres no Amazonas em 2019


Jiboia, iguana, mucura e aves foram os animais resgatados com mais frequência 


O Instituto de Proteção Ambiental do Amazonas (Ipaam) resgatou pelo menos 699 animais silvestres no Amazonas em 2019, conforme dados divulgados pela Gerência de Fauna (GFAU) do órgão.

Reprodução/Portal do Holanda

Jiboia, iguana, mucura e aves foram os animais mais resgatados pelo instituto. Os que estavam saudáveis foram devolvidos à natureza logo após o resgate, já os que precisavam de cuidados veterinários foram encaminhados ao Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama). Depois de recuperados, eles também foram soltos no habitat. As informações são do Portal do Holanda.

O órgão reforça que a população não deve tentar resgatar os animais por conta própria. “Há uma possibilidade muito grande de fuga de animais para residências localizadas em área verde, portanto instruímos a não efetuar resgate ou contenção, principalmente se há suspeita de que o animal é peçonhento”, afirmou um porta-voz do Ipaam.

O instituto reforçou ainda que não faz o resgate de animais domésticos, mas que atende a todos os chamados e direciona os casos para os canais de atendimento corretos.

Para solicitar o resgate de animais silvestres no Amazonas, o telefone para contato da Gerência da Fauna do órgão é o (92) 2123-6739.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, independentemente do valor, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.



Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

HABITATS DESTRUÍDOS

TRISTEZA

AVANÇO

ESTELIONATO

MALDADE

ESTADOS UNIDOS

FEBRE AMARELA


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>