Reencontro

Paciente internado em hospital chora ao receber visita de cadela no ES

Foto: Reprodução/ TV Gazeta

A visita foi possível graças ao projeto “O que importa para você”, que tem o objetivo de realizar desejos dos pacientes para impulsionar a recuperação deles


Otávio Pereira se emocionou ao reencontrar, nesta quarta-feira (11), a cadela Belinha em um hospital particular de Vila Velha (ES), onde ele está internado há mais de 40 dias para tratar um Acidente Vascular Cerebral (AVC).

Foto: Reprodução/ TV Gazeta

Apesar de não conseguir falar por causa da doença, Otávio conseguiu convencer os médicos a permitir que a cadela fosse ao hospital para vê-lo. A visita foi possível graças ao projeto “O que importa para você”, que tem o objetivo de realizar desejos dos pacientes para impulsionar a recuperação deles. As informações são do portal G1.

“A gente começou a trabalhar com o movimento em maio deste ano. De lá para cá, isso se tornou uma rotina. Essa é a primeira visita de um animal do hospital. A gente está muito orgulhosa por conseguir proporcionar isso para o paciente. Estudos já indicam que a proximidade com animais  auxiliam contra a depressão, o stress, e pelo companheirismo e afeto que as pessoas dedicam ao animal”, explicou à TV Gazeta a coordenadora multidisciplinar Camila Bastos.

Otávio está se recuperando de uma cirurgia que a qual precisou ser submetido por conta do AVC e recebeu a visita da cadela graças a colaboração de sua esposa, a operadora de máquina Elizabeth Malta Amorim, que levou Belinha até o hospital.

Foto: Reprodução/ TV Gazeta

“Há muito tempo ele tinha essa vontade, mas estava difícil. É muito gratificante essa oportunidade. Esse tempo todo que ele está aqui foi uma fase muito difícil para a gente, eu pensei que não ia ter mais jeito. A Belinha veio para completar a felicidade dele, a recuperação”, disse.

E não foi só Otávio que ficou feliz, a ponto de chorar, quando encontrou a cadela. Belinha também demonstrou muita felicidade ao reencontrar seu tutor.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, independentemente do valor, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.


DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui