Alemanha

Laboratório alemão exposto por crueldade com os animais em vídeo pode ter as atividades encerradas

O laboratório de testes de toxicidade ganhou as manchetes recentemente, depois que filmagens secretas de duas agências de proteção animal revelaram o sofrimento animal em suas dependências

Foto: Cruelty Free International/SOKO Tierschutz
Foto: Cruelty Free International/SOKO Tierschutz

Relatos da mídia alemã dão como certo o fechamento do Laboratório de Farmacologia e Toxicologia (LPT) de Mienenbuettel , responsável por testes de extrema crueldade com animais, exposto em uma investigação secreta.

A ONG Cruelty Free International, trabalhando com o grupo de defesa animal SOKO Tierschutz, filmou várias incidências de sofrimento extremo, incluindo “macacos contidos por meio de dispositivos bárbaros” (foto) e “cães deixados para sofrer, sangrando e definhando, quando estava claro que estavam muito doentes e até morrendo” no laboratório.

Os relatos da mídia mundial classificaram a instalação como um “laboratório de terror” como resultado das imagens fortes e violentas obtidas na investigação das ONGs.

Especulação crescente

Agora, a Cruelty Free International diz que “parecem haver especulações crescentes de que as autoridades da Baixa Saxônia e da LPT GmbH & Co. KG (entidades ligas ao regulamento do país) chegaram a um acordo sobre o iminente fechamento da sede da empresa em Mienenbuettel”, que realiza testes de toxicidade para produtos farmacêuticos e industriais para o mercado global e empresas agroquímicas.

Se for esse o caso, alerta a ONG, mesmo assim esse não deve ser o “fim da história”.

Mais Informações

“Estamos animados com a notícia de que o LPT de Mienenbuettel pode ser iminentemente fechado e que os animais não sofrerão mais atrás de suas portas”, disse a diretora de ciência da Cruelty Free International, Dra. Katy Taylor.

“No entanto, esperamos que qualquer notícia sobre o fechamento seja acompanhada de informações sobre as medidas que as autoridades pretendem adotar para garantir que qualquer animal que permaneça no local seja alojado rapidamente e com compaixão,  e que sejam tomadas medidas contra a empresa por crueldade e violações legais”.

“LPT tem dois outros locais de testes em animais que também devem passar por intensa investigação. Acreditamos que a empresa como um todo deve ser proibida de realizar experimentos com animais com base nas provas da nossa investigação”.

“Nossa investigação destacou o fracasso do governo alemão em manter as regras europeias sobre animais usados em experimentos. Eles não apenas devem ser responsabilizados pela UE, mas a própria UE deve examinar atentamente se essas regras são adequadas para esse propósito”.

Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, independentemente do valor, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.


 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui