Violência

Homem tenta agredir cães e arremessa um dos animais por cima de muro

Os cachorros foram resgatados pela polícia e receberão os cuidados necessários para, depois, serem disponibilizados para adoção


Um homem tentou agredir dois cachorros e, em seguida, arremessou um deles por cima de um muro no bairro Escola Agrícola, em Blumenau (SC). O caso aconteceu na segunda-feira (10) e foi denunciado à polícia.

Pixabay

Os cães, segundo uma vizinha, eram tutelados pelo agressor. “Eu estava na minha cozinha quando escutei os gritos. Vi ele tentando acertar o cachorro com algo parecido com um pedaço de pau. Os cães fugiram para outra casa. Ele pega um deles pelas patas e depois joga por cima de um muro que deve ter mais de dois metros”, contou ao portal O Município Blumenau.

Na segunda-feira (11), policiais estiveram no local do crime e constataram que os cães eram mantidos em ambiente insalubre, sem água e comida. Os animais foram resgatados e levados para o Centro de Prevenção e Recuperação de Animais Domésticos (Cepread). Um deles estava tão traumatizado que urinou e defecou de medo dos policiais.

“O tutor vai responder processo e pagar multa pelo crime de maus-tratos. Enquanto isso, os animais vão ser medicados e tratados. Após a análise da justiça, eles podem ser colocados para adoção”, declarou a polícia.

Os policiais foram recebidos na residência pela esposa do agressor, que não estava no local no momento. Ao ser questionada, a mulher alegou que os animais não sofreram maus-tratos e que eles não tinham água e comida à disposição porque “não precisam comer a toda hora”.

A policial civil Anne Mesquita reforçou a importância das denúncias. “Só chegou ao nosso conhecimento graças ao Boletim de Ocorrência feito pela vizinha. Os animais não têm como pedir ajuda. Por isso, precisamos denunciar!”, disse.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, independentemente do valor, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.


DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui