Banho e tosa

Cachorro é atropelado e morre após fugir de pet shop em Contagem (MG)

Foto: arquivo pessoal

Um boletim de ocorrência por maus-tratos a animais foi registrado em uma delegacia


Um cachorro da raça poodle, de três anos de idade, morreu ao ser atropelado na BR-381, em Contagem (MG), após fugir de uma pet shop no bairro Riacho das Pedras.

Foto: arquivo pessoal

Um boletim de ocorrência informa que, na quarta-feira (6), o proprietário do estabelecimento teria informado que o cão morreu e tentado entregar um filhote de shih tzu para a tutora do cão como forma de amenizar a dor pela morte de Paçoca, como era chamado o poodle.

A mulher, no entanto, não quis o filhote e afirmou que um animal não substitui o outro. “Ele correu por mais de um quilômetro até ser atropelado na BR. O dono do estabelecimento disse que tentou correr atrás dele, mas não conseguiu”, relatou Diego Busato, de 26 anos, filho da tutora de Paçoca, em entrevista ao jornal O Tempo.

“Acreditamos que isto aconteceu por irresponsabilidade deles, por ter deixado a porta aberta e permitido que o bichinho fugisse, e ainda corrido. Eles tentaram dar um outro cachorro para minha mãe, mas nós não aceitamos, só pioraria a situação”, concluiu.

Os proprietários da pet shop afirmaram ao jornal O Tempo que Paçoca fugiu após ser colocado em uma caixa e que não foi possível alcançá-lo.

No dia seguinte à morte do animal, os responsáveis pelo estabelecimento fizeram um boletim de ocorrência acusando a tutora do animal de difamar a pet shop nas redes sociais.

Ao ser questionado sobre ter sido oferecido um novo cão à mulher, os proprietários do local disseram que só forneceriam mais informações sobre o caso após decisão judicial.

A Polícia Civil disse que as ocorrências, de maus-tratos e difamação, serão encaminhadas para a Delegacia Adida ao Juizado Especial Criminal, em Contagem.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, independentemente do valor, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.


DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui