Mudança de consciência

TripAdvisor suspende a venda de ingressos para atrações que criam baleias e golfinhos em cativeiro

A empresa criou uma política de bem-estar animal em 2016 e esta é sua atualização mais recente.

O TripAdvisor confirmou que sua nova política afetará as principais atrações, incluindo os parques do SeaWorld (foto, San Diego) e Loro Parque. | Foto: Alamy
O TripAdvisor confirmou que sua nova política afetará as principais atrações, incluindo os parques do SeaWorld (foto, San Diego) e Loro Parque. | Foto: Alamy

O TripAdvisor, um dos maiores sites de viagens do mudo, anunciou que não venderá mais ingressos para as atrações que importam ou criam golfinhos e baleias em cativeiro para entretenimento. Esta atualização afetará os principais parques temáticos do mundo, incluindo o SeaWorld. Ativistas pelos direitos animais consideram o fato uma vitória.

O TripAdvisor criou uma política de bem-estar animal em 2016 e esta é sua atualização mais recente. Tanto a empresa quanto a Viator, sua subsidiária, encerrarão todos os vínculos comerciais com instalações que não possuem ou não planejam ter ambientes alternativos para baleias golfinhos e botos que vivem em cativeiro. A política estará totalmente consolidada até o final de 2019.

Como exemplo entre um fornecedor que o site de viagens venderá ingressos e o que não venderá, o SeaWorld disse que não criará orcas, mas que criará outros cetáceos, como golfinhos e botos. Já o National Aquarium em Baltimore tem um santuário de golfinhos. O SeaWorld não será um fornecedor aceitável, o National Aquarium será.

Falando sobre as alterações atualizadas na política, Dermot Halpin, Presidente da TripAdvisor Experiences & Rentals disse ao One Green Planet: “As extensas evidências apresentadas a nós pelos especialistas foram convincentes. Baleias e golfinhos não prosperam em ambientes limitados, ou seja, em cativeiro, e esperamos ver um futuro onde eles vivam como deveriam – livres e em estado selvagem. Acreditamos que a atual geração de baleias e golfinhos em cativeiro deva ser a última, e esperamos ver essa posição adotada mais amplamente em todo o setor de viagens”.

A proibição do TripAdvisor já incluía proibição da venda de ingressos para lugares com “shows e performances degradantes de animais” e a proibição de shows em que os viajantes podem brincar ou interagir com animais selvagens em cativeiro.

Os cientistas especializados em animais sentiram-se encorajados pela proibição. Naomi Rose é uma cientista de mamíferos marinhos do Instituto de Bem-Estar Animal, “baleias e golfinhos não podem prosperar em cativeiro e turistas conscientes não toleram mais explorar esses seres tão inteligentes e socialmente complexos para o entretenimento humano”.

Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, independentemente do valor, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.


 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui