Abuso e crueldade

Cachorrinho que tinha medo de homens encontra a pessoa ideal para ajudá-lo

Todos que tentavam se aproximar de Gershwin não conseguiam sequer chegar perto dele, mas Loreta abriu seu coração para o cachorrinho e mudou sua história

Foto: Hope for Paws
Foto: Hope for Paws

Gershwin foi abandonado em uma parada de descanso (restaurante/posto de gasolina de rodovias) no meio do nada, na Califórnia, Estados Unidos. Ele passava os dias do lado de fora do posto em um calor de 40 graus, lutando para encontrar comida ou água e com medo de quem quer que chegasse perto dele. Ele viveu assim por dois meses antes que alguém na parada finalmente o notasse e se recusasse a fingir que não viu nada.

O homem que finalmente viu Gershwin contatou a ONG Hope for Paws e depois esperou duas horas e meia no local até a equipe de resgates chegasse. Quando finalmente chegaram lá, os socorristas encontraram Gershwin encolhido atrás de alguns arbustos, absorvendo o pouco de sombra que conseguia encontrar.

Foto: Hope for Paws
Foto: Hope for Paws

Equipes de resgate tentaram bloquear os dois lados do posto para que Gershwin não pudesse fugir, e tentaram assim se aproximar dele, mas o pobre cachorrinho estava com tanto medo que, ao invés disso, atravessou no meio dos arbustos, correu para o estacionamento, longe dos resgatantes.

Depois de mais algumas tentativas, ficou claro que Gershwin era o cachorro mais aterrorizado que eles já haviam encontrado, e uma das mulheres da equipes de resgate, Loreta Frankonyte, decidiu tentar se aproximar dele sozinha. Ela pegou um pouco de comida e se moveu muito devagar até ele, fazendo pausas no caminho. Depois de um tempo, Gershwin começou a se aproximar dela, vencido por sua fome e exaustão.

Foto: Hope for Paws
Foto: Hope for Paws

A certa altura, Gershwin ficou um pouco assustado e fugiu novamente, então Loreta teve que esgueirar-se sobre ele lentamente e finalmente ela conseguiu colocar a coleira ao redor do pescoço dele. Inicialmente, Gershwin entrou em pânico e tentou se libertar da coleira, arrastando Loreta com ele. O cão de 110 libras era muito forte, mas a resgatante foi capaz de se manter firme até que alguém se apressou e conseguiu colocar uma segunda coleira no cachorro.

Depois que o pânico inicial passou, Gershwin começou a relaxar e até deixou Loreta acariciá-lo um pouco.

Foto: Hope for Paws
Foto: Hope for Paws

Eles o levaram até o carro e, para surpresa deles, o cachorro gigantesco entrou no veículo sem problemas. Uma vez que ele percebeu que eles estavam lá para ajudá-lo, Gershwin ficou mais do que disposto a ir com eles, animado para se afastar para sempre da parada solitária onde viveu.

Foto: Hope for Paws
Foto: Hope for Paws

Uma vez no veterinário, Gershwin chamou a tenção de todos por ser um cão gigante e ao mesmo tempo extremamente adorável, aceitando e amando toda a atenção de seus novos amigos. Eles o limparam e saíram, e ele começou o tratamento para uma infecção severa no ombro. Felizmente, o cachorrinho conseguiu se recuperar completamente e agora está amando a vida em seu lar temporário. Gershwin é um cão feliz e enérgico que só quer encontrar uma família que o ame e brinque com ele pelo resto de seus dias.

Foto: Hope for Paws
Foto: Hope for Paws

Assista ao vídeo completo do resgate de Gershwin abaixo:

Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, independentemente do valor, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.


 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui