Mais cinco elefantes são encontrados mortos em cachoeira na Tailândia


Foto: EPA
Foto: EPA

Outros cinco corpos de elefantes foram descobertas no curso de águas de uma cachoeira, onde os corpos de outros seis paquidermes foram encontrados no fim de semana.

Eles foram encontrados por um drone que estava sendo usado para investigar as mortes de outros elefantes na cachoeira que foi apelidada de “Hell´s Fall” (Queda do Inferno), a 200 metros do Parque Nacional Khao Yai, no nordeste da Tailândia.

Acredita-se que os elefantes tenham morrido enquanto tentavam resgatar um bebê elefante que havia caído no mesmo local.

A “Queda do Inferno” ficou famosa entre os moradores locais desde que um rebanho caiu e morreu no local em 1992.

Autoridades de vida selvagem enviaram pequenos drones para a área para investigar o terreno, pois o local é muito difícil e inacessível para ir a pé, disse Nattapong Sirichanam, governador da província próxima as montanhas, Nakhorn Nayok, aos repórteres na terça-feira.

“Analisamos a área com drones a uma altura de 15 metros acima do solo, pois não podemos entrar para confirmar as mortes”, disse Nattapong.

A análise das imagens identificou os corpos de mais cinco elefantes, além dos seis originalmente relatados após o acidente.

Foto: EPA
Foto: EPA

“Assumimos que havia 13 elefantes neste rebanho e dois deles sobreviveram. Estamos 100% confiantes de que dois deles estão vivos pois os oficiais os viram sair para comer em torno da área das quedas d’água de Haew Narok” , disse Nattapong.

As autoridades foram chamadas inicialmente às três horas da manhã de sábado, quando um grupo de elefantes estava bloqueando uma estrada perto da cachoeira.

Três horas depois, o corpo de um filhote de três anos e meio foi encontrado na base das cataratas.

Foto: EPA
Foto: EPA

Logo depois disso, outros cinco corpos foram encontrados nas proximidades.

Dois outros elefantes ainda vivos, estavam presos em uma borda e extremamente angustiados, foram resgatados, conforme informações do Daily Mail.

Edwin Wiek, fundador da Wildlife Friends Foundation Tailândia, disse que qualquer elefante do rebanho que tenha sobrevivido, teria dificuldade em sobreviver, já que os animais dependem um do outro para proteção e busca de comida.

“É como perder metade da sua família”, disse Wiek à BBC.

Dois elefantes sobreviventes do mesmo rebanho | Foto: EPA
Dois elefantes sobreviventes do mesmo rebanho | Foto: EPA

“Não há nada que você possa fazer, infelizmente é a natureza”, disse ele.

Cerca de 7 mil elefantes asiáticos permanecem na Tailândia, mas cerca de metade deles vivem em cativeiro.

O número total de elefantes mortos, 11, é o maior número de elefantes a morrer em um único incidente em Khao Yai.

A população de elefantes no parque é estimada em cerca de 300.

Dois elefantes sobreviventes do mesmo rebanho | Foto: EPA
Dois elefantes sobreviventes do mesmo rebanho | Foto: EPA

Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, independentemente do valor, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.


 


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

ÓRFÃO

ARTIGO

DESACATO

GENTILEZA

DOR E SOFRIMENTO

EDUCAÇÃO

BENEFÍCIOS


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>