Dois homens obrigam jacaré a beber cerveja despejando a bebida em sua garganta


Foto: WPBF14/Facebook
Foto: WPBF14/Facebook

Dois homens que residem no estado da Flórida, Estados Unidos, são acusados de capturar um jacaré que estava do lado de uma rodovia, prendê-lo e obriga-lo a beber cerveja jogando a bebida na garganta do réptil enquanto um dos homens o segurava.

Timothy Kepke, 27, e Noah Osborne, 22, filmaram a agressão que teria ocorrido por volta das 22h do dia 26 de agosto na cidade americana de Palm City, segundo informações do Daily Mail.

Em um relatório policial, Kepke afirmou que Osborne agarrou o animal, que estava no acostamento da rodovia, com as mãos, em seguida Kepke aparentemente foi mordido pelo animal no antebraço direito antes de derramar a cerveja na garganta do jacaré, mas ficou está claro o quão sério o ferimento foi.

Também não foram divulgadas informações se o animal era filhote ou adulto.

No vídeo além de provocações ao animal é possível ouvir risadas ao fundo. Após ter a bebida despejada em sua garganta o jacaré se debate, tentando libertar-se.

Os dois homens foram presos em 3 de outubro, depois que a polícia tomou conhecimento de um vídeo que os dois homens fizeram da agressão. O vídeo não foi divulgado pela polícia e não está claro se a polícia já o tinha antes de realizar a prisão.

Ambos foram acusados de capturar ilegalmente um jacaré.

A Comissão de Conservação de Peixes e Vida Selvagem da Flórida recebeu uma queixa sobre o incidente em agosto.

As autoridades que investigaram o incidente conseguiram finalmente obter o vídeo em 17 de setembro. Eles então confrontaram Kepke sobre as alegações em sua casa, onde ele confessou estar envolvido no crime, informou o New York Post.

Timothy Kepke | Foto: Daily Mail/Reprodução
Timothy Kepke | Foto: Daily Mail/Reprodução

Kepke disse aos policiais que Osborne pegou o réptil com as próprias mãos. Kepke então o atraiu para ver se ele o mordia e depois derramou cerveja na boca do animal, fazendo o jacaré agir de forma agressiva, conforme o site TPPalm.com.

A dupla libertou o jacaré vivo, disse Kepke aos policiais.

Embora Kepke tenha admitido ter tomado algumas cervejas, ele disse à polícia que não estava bêbado no momento do incidente.

Noah Osborne | Foto: Daily Mail/Reprodução
Noah Osborne | Foto: Daily Mail/Reprodução

Kepke disse aos policiais que uma amiga também estava lá quando o suposto episódio aconteceu.

A mulher disse acreditar que o réptil mordeu Kepke por causa de sua hostilidade.

Kepke e Osborne foram levados para a cadeia do condado de Martin e condenado a pagar multas de 5 mil e 2.500 dólares respectivamente. Os dois homens foram libertados no mesmo dia após pagar a fiança.

Foto: Getty Images/Stockphoto
Foto: Getty Images/Stockphoto

Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, independentemente do valor, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.


 


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

SOLIDARIEDADE

NOVOS LARES

RIO CLARO (SP)

EXTINÇÃO

VISIBILIDADE

CANADÁ

ABRAÇO ANIMAL

DENÚNCIA


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>