Cadela é esfaqueada 12 vezes ao tentar proteger tutores de assalto


Uma cadela foi esfaqueada 12 vezes na praia do Maracanã, em Santarém (PA), enquanto tentava proteger os tutores de um assalto.

Foto: Reprodução/Redes Sociais

Socorrida com uma fratura na costela, Lili foi internada em estado grave. Ela foi brutalmente agredida após latir para dois homens que tentaram arrombar uma barraca na praia. Os criminosos fugiram sem levar nada.

Os profissionais da clínica veterinária onde a cadela foi internada informaram ao G1 que o animal está bastante debilitado.

Sem condições para arcar com os valores do tratamento veterinário, os tutores de Lili estão pedindo ajuda financeira.

Interessados em colaborar com o tratamento da cadela podem fazer doações diretamente na Clínica Amavie, na avenida Mendonça Furtado, entre a Travessa Dom Amando e avenida Turiano Meira.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, independentemente do valor, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.



Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

CHINA

FINAL FELIZ

POLUIÇÃO

COMPAIXÃO

VIOLÊNCIA

PESQUISA

APELO

RECOMEÇO

BARBÁRIE

SEGUNDA CHANCE


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>