Foto: Rebecca Shepperd
Foto: Rebecca Shepperd

Um tigre escapou da jaula em que era mantido preso durante uma apresentação no circo que o explorava para entretenimento, na China, e fugiu para liberdade  .

As imagens mostram os espectadores do “show” fugindo apavorados, deixando o recinto às pressas, com medo de serem vítimas do animal selvagem. O incidente ocorreu na sexta-feira última (6).

O animal é visto saltando para o topo do picadeiro, que estava descoberto, antes de saltar para fora do circo, que se apresentava na província central de Henan, na China.

O animal, considerado um tigre jovem, foi atropelado por carros depois de fugir dos funcionários do circo e morreu, segundo informações do zoológico local que atendeu o felino.

O tigre iniciou a fuga desesperada por volta das 9h da sexta-feira, durante um show no condado de Yuanyang, em Xinxiang, segundo o Daily Mail.

O animal teria fugido para um milharal próximo depois de escapar da jaula, disse o departamento de propaganda do comitê do partido comunista de Yuanyang.

O tigre foi encontrado após uma busca que levou mais de 12 horas realizada pela polícia e pelas autoridades locais.

Os policiais usaram drones e câmeras termográficas para ajudar a localizar o animal.

Foto: Weibo
Foto: Weibo

O tigre recebeu anestesia geral após ser encontrado deitado no milharal e depois levado ao zoológico de Xinxiang para atendimento.

Nenhuma lesão foi relatada como resultado do incidente.

O espetáculo de circo, realizado em uma vila, não havia sido aprovado pelas autoridades, informou o jornal local The Paper.

Um porta-voz do zoológico de Xinxiang disse ao Dahe Daily local que o tigre já estava morto quando foi levado ao zoológico.

O porta-voz suspeitou que o animal havia sido morto ao ser atropelado por algum carro enquanto corria na estrada.

O incidente ainda está sendo investigado pelas autoridades locais.

Foto: Thepaper.cn
Foto: Thepaper.cn

Os dois diretores do grupo de circo foram detidos e estão aguardando a conclusão investigação policial.

Milhares de usuários das mídias sociais expressaram apoio ao tigre e revolta contra o circo, escrevendo que o animal deve ter sofrido muito, com muitos comentários de pessoas pedindo a proibição de circos com animais na China.

“Os tigres não pertencem a gaiolas ou jaulas, eles pertencem a natureza”, escreveu uma pessoa no Weibo

Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, independentemente do valor, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.