Nas escolas de Nova York, nos Estados Unidos, as crianças aprendem sobre a vida enquanto assistem o nascimento de patinhos. Elas colocam os ovos em incubadoras e observam o desenvolvimento deles até chocarem. Os filhotes não têm nenhum contato com as mães.

Um patinho nadando em uma lagoa
Foto: Sadie P Photography/Shutterstock

Depois que os animais nascem e se desenvolvem, não são mais úteis para as aulas. Então eles são abandonados, despejados em parques ao redor de Nova York.

O zoólogo John Di Leonardo afirmou, ao MSN, que o abandono é fatal para as aves. “Eles não são animais selvagens. Os patos não sabem como sobreviver. Eles não podem voar, não migram. Como nasceram em incubadoras, não estão com suas mães ou com outros patos, que podem ensiná-los a sobreviver”, explicou.

Os métodos de ensino atuais não são éticos e causam sofrimento para esses indefesos filhotinhos. Você pode assinar esta petição, que pede para que Nova York aprove uma legislação para impedir a crueldade contra os animais.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, independentemente do valor, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.