Vídeo de gatinho forçado a fumar cigarro por abusadores causa revolta nas redes sociais


O filhote luta para se libertar enquanto seus algozes o seguram e forçam o cigarro aceso em sua boca, o crime ocorreu na região de Andaluzia, na Espanha


 

Foto: CEN/PACMA
Foto: CEN/PACMA

Por Eliane Arakaki

O vídeo de um grupo de jovens forçando um gatinho filhote a fumar um cigarro provocou indignação e revolta nas redes sociais.

A imagens mostram um homem segurando as pernas do gatinho e virando-o de cabeça para baixo enquanto tentam colocar a cabeça do animal em um copo de cerveja.

Em outro clipe, o felino foi forçado a ficar de pé sobre as duas patas traseiras enquanto um homem colocava um cigarro aceso na boca do filhote e os demais aplaudiam.

O gato luta para se libertar quando o vídeo termina.

Atenção, imagens fortes:

O partido político espanhol Animalist Party Against Maltratment of Animals (PACMA) compartilhou o clipe no domingo e alertou as autoridades locais.

Acredita-se que o incidente ocorreu na região espanhola do sul da Andaluzia.

Após a denúncia, o gatinho foi resgatado pela Guarda Civil Espanhola e levado para uma clínica veterinária para exames.

Os criminosos podem responder a uma acusação legal de crime de abuso de animais.

Laura Duarte, porta-voz do PACMA, disse: “Esse tipo de crueldade sempre acontece e é compartilhado nas redes sociais com impunidade.

Outros casos semelhantes de crueldade com animais já foram denunciados pelo PACMA como por exemplo o caso em que uma mulher filmou o momento doentio em que colocou um gato em uma máquina de lavar.

No incidente, que aconteceu no ano passado, ela ameaçou continuar machucando mais animais.

A agressora disse: “Próxima vítima. Você não quer que eu mate mais gatos, então eu vou matar cães”.

No vídeo abaixo é possível acompanhar o gatinho sendo resgatado e atendido na clínica veterinária:

Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, independentemente do valor, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.


 


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

MAUS-TRATOS

PROTEÇÃO ANIMAL

INESPERADO

ASCENSÃO

GRATIDÃO

INDEFESAS


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>