Homem morre ao ser atingido em corrida de touros


Tanto as touradas quanto as corridas de touros, consideradas tradição e esporte, são práticas cruéis e que submetem os touros à intenso estresse físico e mental. Assustados, os animais podem facilmente tentar se defender ou fugir e avançar contra aqueles que se colocarem em seus caminhos.

Uma multidão assistindo um touro correr
Foto: EPA

Um homem de 62 anos morreu durante uma corrida de touros no centro da Espanha, na cidade de Cuellar, ao ter o pescoço e peito atingidos pelo chifre de um dos animais. Segundo o prefeito da cidade, Carlos Fraile, nada pôde ser feito para salvá-lo.

O homem era apenas um espectador e não correu para provocar os touros, mas acabou sendo empurrado para o local quando os animais foram soltos. A Espanha é conhecida por suas tradições sangrentas, que maltratam e matam os animais há muito tempo.

Este ano, oito pessoas foram perfuradas por chifres e 35 acabaram feridas no festival Pamplona, um dos maiores do país. Inúmeros touros sofreram.

As touradas são protegidas pela Constituição espanhola como parte da cultura do país. Apesar disso, o apoio à prática está diminuindo e as exigências pelo seu fim estão aumentando. Segundo a Animal Guardians, o apoio às touradas diminuiu de 30% para 19% em apenas três anos.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, independentemente do valor, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.



Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

SUSTENTABILIDADE

NEGLIGÊNCIA

SOFRIMENTO

PORTO ALEGRE (RS)

INSENSIBILIDADE

GOIÂNIA (GO)

MÉXICO

ACIDENTE

AMOR


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>