Morre cachorro que se tornou símbolo de São Tomé das Letras (MG)


Kovu, um cachorro da raça chow chow que se tornou um dos símbolos da cidade de São Tomé das Letras (MG), morreu na madrugada de segunda-feira (22). O animal tinha cerca de 14 anos e morreu de morte natural.

Foto: Reprodução / Facebook / Ser Criativo Pizza na Pedra

A pizzaria “Ser Criativo Pizza na Pedra”, onde Kovu vivia, lamentou a morte dele através das redes sociais. O cachorro ficou famoso na cidade por ser muito dócil e estar sempre deitado na porta da pizzaria. Os turistas que passavam pelo local costumavam parar e tirar uma foto ao lado do cão. As informações são do portal Varginha Online.

“É com imenso pesar que essa madrugada nos despedimos do nosso leão Kovu. Vai deixar saudades em todos nós. Já era quase um ponto turístico de São Thomé das letras. Vai em paz kovuzao. Nos vamos sentir muito sua falta e vamos te amar pra sempre. O melhor cachorro do mundo”, escreveu a pizzaria no Facebook. Uma imagem com fundo preto e a palavra “luto” foi colocada no perfil do Facebook do estabelecimento.

Foto: Reprodução / Facebook / Ser Criativo Pizza na Pedra

A publicação gerou comoção na internet. Até o momento, 1,4 mil pessoas curtiram a homenagem feita na rede social e mais de 380 fizeram comentários sobre Kovu. Muitos internautas publicaram fotos que tiraram com o cachorro.

“Meus sentimentos. Ele foi um cachorro tão adorado, sempre que eu ia em São Tomé via ele e fazia um carinho. Que saudade que vai ficar”, escreveu uma internauta. “Muito prazer ter conhecido esse cachorro tão especial. Descanse em paz Kovu”, disse outra.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, independentemente do valor, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. Doe agora.



Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

PRESERVAÇÃO

PROGRESSO

GANÂNCIA

DESTRUIÇÃO AMBIENTAL

COREIA DO SUL

VEGANISMO

PRESSÃO PÚBLICA

RESILIÊNCIA

RECOMEÇO


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>