Homem sai do carro e quando volta encontra uma cachorra sentada no banco do passageiro


Foto: Angela Shaver
Foto: Angela Shaver

Quando viajava de volta para casa depois de uma viagem de férias no Arkansas (EUA), Bill encostou o carro em uma parada rápida, para jogar fora o lixo interno e usar o banheiro. Ele não estava planejando demorar muito, por isso deixou o carro ligado e com a porta aberta – mas quando ele voltou, teve uma surpresa: encontrou um cachorro sentado no banco do passageiro da frente.

O animal era na verdade A pobre cachorrinha estava pele e osso, e Bill rapidamente ofereceu-lhe um pouco de pronto, a única comida que ele tinha com ele no carro. Observando-a devorar a comida e se encolher em seu carro, Bill sabia que a cachorra estava procurando por alguém para ajudá-la, e decidiu que ele seria essa pessoa. Ela parecia tão ansiosa, e não havia como ele virar as costas para aquele rosto doce.

Foto: Angela Shaver
Foto: Angela Shaver

Ele e sua esposa recebem animais em dificuldades em casa e o pobre animal não tinha absolutamente nenhum sinal de ter tido um tutor ou uma família, e então ele mandou uma mensagem para ela com a foto de sua nova companheira de viagem, e ela concordou imediatamente com a decisão dele de manter o cão.

“Perguntei a ele qual era o nome do nosso novo cão”, disse Angela Shaver ao The Dodo. “Nós decidimos chamá-la então de River por causa de onde ele o encontrou.”

Foto: Angela Shaver
Foto: Angela Shaver

Shaver e seu filho saíram para cumprimentar o novo membro da família assim que o casal de viajantes chegou em casa, mas River se recusou a sair do carro. Ela não tinha medo de sua nova família, mas parecia se sentir segura no carro, já que era provavelmente um dos primeiros lugares em que alguém já havia sido gentil e amoroso.

Assim sendo, Bill carregou River gentilmente para fora do carro, e ela foi apresentada aos seus novos irmãos cachorros e gato, um por um, para que ela não ficasse muito sobrecarregada. A família já tinha três cães de resgate e um gato de resgate, e estavam mais do que felizes em adicionar outro à matilha.

River e Bill | Foto: Angela Shaver
River e Bill | Foto: Angela Shaver

“Uma vez que todos decidiram que ela estava bem, ele [Bill] a trouxe para um banho”, disse Shaver. “Ela estava coberta de lama, sangue e carrapatos. Depois que ela foi seca e alguns carrapatos foram retirados dela, River ganhou uma boa refeição. Bill fez uma cama para ela em nosso quarto ao lado do aquecedor. Ela dormiu lá a noite toda.

River acordou em sua nova casa na manhã seguinte e cautelosamente começou a explorar tudo ao seu redor. Ela correu para fora, no quintal com seus novos irmãos, mas nunca se afastava muito de seus pais, lentamente se acomodando a sua nova vida.

Sua família notou imediatamente que ela parecia estar triste em determinados momentos, o que significa que ela pode ter tido uma família em algum momento de sua vida antes de acabar como uma cachorra em situação de rua.

River e seus irmãos | Foto: Angela Shaver
River e seus irmãos | Foto: Angela Shaver

“Tivemos um acidente em casa na primeira noite”, disse Shaver. “Mas estava perto da porta. Ela tinha que ir, mas não sabia como nos dizer, pobrezinha”.

A nova família de River levou-a ao veterinário para ser examinada, e descobriu que ela tinha vermes, parasitas e feridas no pescoço e no rosto que pareciam ser de algum tipo de briga. O veterinário deu-lhe remédios e limpou todos os seus ferimentos, e River permaneceu calma e doce durante todo o tempo da consulta. Depois do que quer que tenha passado, a cadelinha parecia estar agradecida por finalmente estar segura.

River e seus pais | Foto: Angela Shaver
River e seus pais | Foto: Angela Shaver

River está agora se saindo muito bem com sua nova família e já está começando a evoluir. Ainda há algumas coisas que ela não sabe muito bem como fazer, como brincar com brinquedos e brigar com os irmãos, mas ela está levando um dia de cada vez, e sua família adora ver sua confiança crescer pouco a pouco.

“Ela corre no quintal como se perseguisse algo invisível com Winston, senta-se para comer biscoitos com Ginger e se aconchega na cama com Butters”, disse Shaver. “O gato ficou muito insatisfeito com a presença dela nos primeiros dias, mas finalmente ele está se aproximando”.

Quando River entrou naquele carro, ela escolheu sua nova vida, e tanto ela como sua família não poderiam ficar mais felizes com essa decisão.

E assim estão até hoje.

Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, independentemente do valor, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA


 


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

ESTADOS UNIDOS

FEBRE AMARELA

REVERSÃO

FINAL FELIZ


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>