Ex-estrela da NBA, John Salley defende que um atleta se tornar vegano é uma escolha inteligente


Por David Arioch

“Eu defendo o direito dos animais de viver, defendo a cannabis, defendo a vida” (Foto: Elysabeth Alfano Podcast/Vlog)

Quatro vezes campeão da NBA, o ex-jogador de basquete John Salley defendeu ontem em entrevista ao Yahoo Finance que um atleta se tornar vegano é uma escolha inteligente.

Depois de destacar que uma boa dieta à base de vegetais é muito benéfica para qualquer atleta, ele disse ainda que sua recusa em se alimentar de animais não é simplesmente pela sua saúde, embora isso o tenha motivado a adotar uma dieta vegetariana estrita em 2017. “Eu defendo o direito dos animais de viver, defendo a cannabis, defendo a vida”, acrescentou.

Durante a entrevista, que tinha como foco principal o seu investimento na marca de alternativas à carne Beyond Meat, Salley frisou ser um defensor do veganismo, o que significa que o seu interesse nesse mercado também tem um viés ético, não simplesmente econômico.

“Bom produto, bom sabor e nenhum animal precisa morrer”, declarou em referência à Beyond Meat. Em seu site, John Salley também faz questão de estimular as pessoas a abandonarem o consumo de alimentos de origem animal, relatando suas experiências pessoais como motivação.

No caso da ex-estrela da NBA, uma dieta livre de ingredientes de origem animal transformou sua vida e o livrou de vários problemas de saúde. “Uma dieta à base de plantas te mantém vivo”, defende.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, independentemente do valor, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA


 


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

RÚSSIA

FINAL FELIZ

CRUELDADE

CRISE ECONÔMICA

SINERGIA

MAUS-TRATOS

MAUS-TRATOS

PROTEÇÃO ANIMAL


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>