PERNAMBUCO

Escola adota cães abandonados e inclui ‘respeito aos animais’ no currículo

A convivência com os cães fez com que as crianças amadurecessem e desenvolvessem noções de responsabilidade.

Foto: Reprodução / Histórias com Valor

A Escola Municipal de Tempo Integral Antônio Heráclio do Rego, localizada em Recife (PE), adotou dois cachorros que viviam em situação de rua e colocou no currículo escolar o projeto pedagógico “Cãolega”, que conscientiza os alunos sobre a importância de respeitar os animais.

Foto: Reprodução / Histórias com Valor

A ideia de colocar o projeto em ação veio após a adoção dos cães Júlia e Júlio. A cadela foi a primeira a ser adotada, há três anos. Ela havia sido abrigada na escola temporariamente pela vice-diretora Marília Oliveira, mas acabou sendo tão bem recebida por alunos e funcionários que ficou definitivamente no local. Cinco meses depois, foi a vez da adoção de Júlio acontecer.

A presença dos animais na escola, somada à resistência de algumas mães em aceitar a presença deles no local, levou a diretoria do colégio a criar o “Cãolega”. As informações são do portal Histórias com Valor.

FAÇA PARTE DO #DiaDeDoarAgora EM 5 DE MAIO

Temas relacionados ao respeito aos animais e ao meio ambiente passaram, então, a ser trabalhados em sala de aula. Após o início do projeto, os cerca de 350 alunos da instituição foram incentivados a apresentar trabalhos sobre o assunto.

De acordo com a administração do colégio, a convivência dos alunos com os dois cachorros, que são vacinados, vermifugados e acompanhados por médicos veterinários, fez com que as crianças amadurecessem e desenvolvessem noções de responsabilidade, além de terem melhorado o desempenho escolar deles e a convivência com os colegas.

O convívio com Júlia e Júlio fez, também, com que vários estudantes se inspirassem na atitude da vice-diretora e decidissem adotar animais.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui