ONG denuncia envenenamento de animais à polícia em Crato (CE)


A Associação de Proteção à Vida (Aprov), em conjunto com moradores de Crato (CE), registrou um boletim de ocorrência para denunciar o envenenamento de animais no município. Foram pelos menos 11 envenenamentos.

(Foto: Pixabay / Imagem Ilustrativa)

Os casos são recorrentes, segundo Antônia Ferreira, representante da Aprov. “Isso é muito comum de acontecer em toda a cidade. Nos bairros Seminário, Vila Alta e Centro, acontece muito essa questão do envenenamento. É prática muito cruel, lembrando que é crime ambiental e dá cadeia”, pontua.

Os moradores afirmam que, após a abertura do boletim de ocorrência, há duas semanas, novos casos de envenenamento foram registrados. As informações são do Diário do Nordeste.

O presidente da Sociedade Protetora Ambiental no Ceará (SPA-CE), Márcio Sousa, incentiva a população a acionar a polícia caso tome conhecimento de casos de abandono, maus-tratos ou envenenamento de animais.

A pena para crimes contra animais é de até um ano de detenção, além de multa. A punição pode ser maior caso o animal morra.

“Quanto mais detalhada a denúncia, com evidências como fotos e vídeos, melhor a formalização da mesma”, destaca Márcio.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

PRESERVAÇÃO

VAQUINHA ON-LINE

FINAL FELIZ

LEALDADE

COMPROMISSO

ESPECIAL

MAUS-TRATOS


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>