Centros de apoio atendem animais afetados pelo ciclone Idai na África


“Em Moçambique, entre Chimoio e Beira, cuidamos dos animais machucados e fornecemos medicamentos e suplementos veterinários (Foto: WAP/Divulgação)

De acordo com informações da organização World Animal Protection (WAP), quatro centros de apoio estão atendendo animais afetados pelas inundações do ciclone Idai em Moçambique e Malawi. Até o momento, já atenderam mais de 20 mil animais, entre bois, ovelhas, cabras, porcos, gatos e cachorros.

“Em Moçambique, entre Chimoio e Beira, cuidamos dos animais machucados e fornecemos medicamentos e suplementos veterinários como vermífugos, antibióticos, analgésicos, vitaminas e minerais”, informa a WAP.

Veterinários de quatro províncias receberam orientação sobre como prestar socorro aos animais em situação de desastre. “Também recrutamos voluntários para prestar assistência básica aos mais necessitados”, garante.

A prioridade no momento é ajudar os animais que estão em situação de extrema necessidade em relação à fome, desidratação e alto risco de contaminação. A ajuda também está sendo oferecida no Zimbábue.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

VIDAS PERDIDAS

DEDICAÇÃO

SOFRIMENTO EMOCIONAL

DOÇURA

AÇÃO HUMANA

JAPÃO

FINAL FELIZ

POLUIÇÃO SONORA


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>