Vídeo mostra abuso de porcos na Holanda e governo conduz debate sobre bem-estar animal


A Animal Rights Netherlands divulgou um vídeo mostrando as terríveis condições em que porcas e leitões são obrigados a viver em uma fazenda em Venray, Holanda. Um debate sobre a vida dos animais na indústria pecuária foi conduzido nesta quinta-feira (24) na Câmara dos Deputados do país.

porcos
Foto: Animal Rights Netherlands

A organização afirmou que enviou as imagens para a NVWA, o órgão do governo holandês que monitora a segurança e o bem-estar animal no país, solicitando que eles tomassem providências quanto à situação deplorável dos porcos. Infelizmente, cenas terríveis como essas são comuns na indústria pecuária, onde os animais são forçados a viverem em gaiolas apertadas em meio às próprias fezes.

“Qual é o nível de imundície que um estabelecimento precisa atingir para que o governo intervenha e feche a empresa?”, questionou a diretora da Animal Rights Susan Hartland, referindo-se ao estábulo mostrado no vídeo, onde há teias de aranha, poeira e sujeira acumuladas junto a instalações elétricas.

De acordo com a organização, os problemas elétricos e de curto-circuito são a principal causa de incêndios em estábulos ​​na Holanda, e é um dos tópicos a serem discutidos durante a reunião na Câmara dos Deputados.

“A vida dos porcos nos estábulos holandeses é extremamente deplorável”, observou Erwin Vermeulen, gerente de campanha da Animal Rights. Tragicamente, mais 5,4 milhões de leitões são mortos a cada ano nos estábulos holandeses.

No entanto, de acordo com a organização, a Federação Holandesa de Agricultura e Horticultura e a Associação Holandesa de Criadores de Porcos não aborda mais as questões de bem-estar, mas todo o seu foco está em atacar os investigadores e chamar os ativistas pelos direitos animais de “extremistas”.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

VÍTIMAS DA CAÇA

MAUS-TRATOS

RECONHECIMENTO

PRESERVAÇÃO

VAQUINHA ON-LINE

FINAL FELIZ

LEALDADE


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>