REJEIÇÃO

Gato é mandado de volta para o abrigo por ser ‘carinhoso demais’

Sua ex-tutora disse: "Ele está constantemente tentando sentar no meu colo, eu simplesmente não aguento mais [...] não foi para isso que eu o adotei."

o gatinho jaques
Foto: W

Tudo o que Jacque queria era alguém para amá-lo, mas, em vez disso, o gato de 3 anos de idade foi rejeitado inúmeras vezes. Quando tinha apenas 7 meses de idade, seu primeiro dono se mudou e não levou Jacque com ele. “Ele foi encontrado pelo corretor de imóveis e levado para o abrigo. Isso acontece com muita frequência, infelizmente,” disse Nancy Hutchinson, fundadora e presidente da Michigan Cat Rescue.

o gatinho jaques
Foto: Michigan Cat Rescue

O abrigo estava superlotado de cães e gatos, e ninguém parecia interessado em adotar Jacque, então ele foi colocado na lista de eutanásia. Mas uma visita de Hutchinson salvou sua vida.

“Eu o vi em sua gaiola e me senti tão mal por ele”, disse Hutchinson. “Eu abri sua gaiola e sentei no chão com ele por um tempo e ele sentou no meu colo. Eu pensei: “Uau. Que gato legal.”

o gatinho jaque no colo de alguém
Foto: Michigan Cat Rescue

Percebendo o quão especial ele era, Hutchinson retirou Jacque do abrigo e o levou aos cuidados da Michigan Cat Rescue. Então ela e os outros voluntários procuraram uma casa para ele. “Nós o anunciamos como um gato de colo”, disse Hutchinson. “Uma mulher veio e o adotou.”

Mas isso não acabou sendo o lar que todos esperavam. “Depois de um ano, ela disse que não o queria mais”, disse Hutchinson. “Ela disse: ‘Ele está constantemente tentando sentar no meu colo, eu simplesmente não aguento mais. Vou ter que devolvê-lo para você, não foi para isso que eu o adotei.'”

Todos no grupo de resgate ficaram surpresos. “Na verdade, foi exatamente para isso que ela o adotou, porque pediu especificamente por um gato de colo”, disse Hutchinson. “Mas ela só se cansou dele.” Quando Jacque voltou ao grupo de resgate, ele estava visivelmente angustiado, e acabou ficando muito doente.

Foto: Michigan Cat Rescue

“Ele não comeu por alguns dias”, disse Hutchinson. “Acho que ele estava confuso e chateado com a rejeição. O estresse pode realmente causar danos, não apenas às pessoas, mas aos animais, e isso prejudicou seu sistema imunológico. Ele pegou um resfriado horrível; seus olhos estavam inchados e infectados.

A equipe trouxe Jacque de volta à saúde e começou a procurar um novo lar para ele. Mas desta vez, eles foram muito mais exigentes. “Recebemos muitos pedidos para ele, mas muitos deles não eram apropriados para a personalidade dele”, disse Hutchinson.

Então uma mulher chamada Liz Myziuk e seu marido se candidataram a adotar Jacque. Hutchinson tinha um bom pressentimento sobre eles, então ela marcou um horário para eles conhecerem Jacque.

“Nós conhecemos Liz e seu marido em um dos nossos hospitais veterinários, e os colocamos em uma sala juntos”, disse Hutchinson. “Eu deixei ele sair do suporte e ele andou um pouco. Então eles o pegaram e o colocaram no colo e ele ficou lá. Eles estavam chorando de tão felizes, eles estavam apaixonados por ele.”

os novos tutores de Jaque
Foto: Michigan Cat Rescue

“Eu o deixei na sala com eles, e eles saíram e disseram: ‘Queremos dar um lar para ele. Nós queremos levá-lo’,” acrescentou Hutchinson. “Então comecei a chorar. Eu estava tão feliz. Eu acho que Jacque também ficou aliviado. Acho que ele sabia que finalmente teve seu final feliz.”

Jacque rapidamente se instalou em sua nova casa e até ganhou um novo nome, Giuseppe. “Eles verdadeiramente o amam”, disse Hutchinson. “Ele está indo muito bem. É realmente ótimo.”

Hutchinson, que tem um lugar especial em seu coração para Giuseppe, está imensamente feliz por ele finalmente ter conseguido o lar amoroso que ele merece.

“Ficamos tão chateados quando ele nos foi devolvido por seu antigo tutor”, disse ela. “Eu estava de coração partido por ele, e posso dizer que isso o machucou também. Isso me faz chorar porque é por motivos assim que fazemos tudo isso, e é por isso que lutamos todos os dias apenas para salvar os animais e garantir que tenham uma vida boa e feliz.”

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui