Estudante de veterinária finge resgatar cavalos e os vende para matadouros


Uma estudante de veterinária no Alabama, Estados Unidos, foi presa depois de prometer abrigar e cuidar de cavalos resgatados, mas em vez disso vendê-los para matadouros no México. Fallon Blackwood, de 24 anos, foi detida em um rodeio em Blount County, Alabama, três meses depois de ser indiciada após 13 acusações de fraude.

fallon blackwood
Foto: WITN

Blackwood é acusada de dizer aos tutores de cavalos idosos ou doentes que ela levaria seus cavalos para viver em sua fazenda em Boaz, Alabama. Mas muitos dos tutores disseram que, ao invés de fornecer um local de refúgio, a jovem de 24 anos vendeu os cavalos para matadouros e fábricas de processamento de carne no México. Eles apresentaram queixas às autoridades depois que Blackwood se recusou a dizer a verdade sobre o paradeiro dos cavalos.

“Eles sofreram uma morte que não mereciam”, disse Lisa Rudolph, ex-moradora da Geórgia, à FOX5.

Rudolph disse à FOX5 que após conferir as credenciais de Blackwood, aluna do terceiro ano na Tuskegee College of Veterinary Medicine, ela a entregou seu cavalo chamado Cocoa e uma mula chamada Tibby em 2017. Blackwood prometeu que Rudolph recuperaria seus animais tão logo terminasse sua mudança para a Flórida. Rudolph nunca mais viu seus cavalos.

“Eu nunca teria entregado meus animais a alguém que não tivesse uma credencial de medicina veterinária”, disse Rudolph à FOX5. “Foi tudo uma mentira. Espero que agora a justiça seja feita.”

Após sua prisão no sábado (12/01), Blackwood foi liberada. A Tuskegee disse à FOX5 que não faria nenhum comentário sobre o caso, citando leis de privacidade, mas outros alunos da instituição disseram à emissora que ela foi vista de volta ao campus e deve se formar em maio deste ano.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

CONSERVAÇÃO

MUDANÇAS CLIMÁTICAS

MAUS-TRATOS

HABITATS DESTRUÍDOS

OMISSÃO

ECONOMIA CIRCULAR

DEDICAÇÃO

TECONOLOGIA


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>