Rede Carrefour choca o mundo mais uma vez vendendo carne de zebra


Um grupo de defesa dos direitos animais chamou os supermercados franceses de “chocantes” por vender carne de animais exóticos, especialmente a zebra, que é uma espécie ameaçada de extinção.

Foto: Pixabay

Uma organização de defesa dos direitos animais condenou várias das maiores cadeias de supermercados da França por venderem carnes exóticas como a de zebra, avestruz, canguru e bisonte, durante as épocas festivas.

Um estudo realizado pela instituição de caridade 30 Milhões D’amis identificou os supermercados Carrefour, Auchan, Intermarché, Houra e Cora como vendedores das carnes desses animais na loja física ou online com as marcas Damien de Jong, Maître Jacques ou Saveurs forestières, que oferece bifes de zebra marinados em mel.

A venda dessas carnes não é ilegal, mas a organização disse que é ultrajante os supermercados venderem a carne de animais como a zebra, que é uma espécie em extinção.

A carne de zebra vendida na França vem de fazendas sul-africanas que são completamente legais. Mas na natureza, um quarto da população de zebras comuns desapareceu nos últimos 25 anos e, em alguns países, eles só são encontrados em reservas naturais.

“No momento em que a biodiversidade do mundo está em colapso, vender carne de uma espécie ameaçada de extinção é desconcertante”, disse a organização. “Isso envia um sinal muito ruim para os consumidores e dá a impressão – que é completamente falsa – de que as populações de zebras selvagens são robustas”.
As pessoas também expressaram sua indignação nas mídias sociais.
Foto: Reprodução | Twitter
“Hello @CarrefourFrance, Para 2019, você também poderia fazer filés de panda? Obrigado por ter bifes de zebra em suas prateleiras porque há cada vez menos animais selvagens“, comentou sarcasticamente o comediante Rémi Gaillard no Twitter.
Segundo o The Local, os franceses não comem muita carne exótica. O consumo médio é de uma vez por ano e menos de 300 gramas por pessoa por ano contra 86 kg em média de carne ‘normal’.

Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

ABERRAÇÃO LEGISLATIVA

EXEMPLO

CICLOVIA RIO PINHEIROS

ESTRESSE

RESILIÊNCIA

BRECHAS LEGAIS

DENÚNCIA


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>