Cardiologista vegetariano Ellsworth Wareham morre aos 104 anos


Wareham vivia em Loma Linda, onde as pessoas têm uma expectativa de vida bem superior à média mundial (Acervo: CCTV America)

O cardiologista vegetariano Ellsworth Wareham, de 104 anos, faleceu no último sábado. Wareham ficou famoso por seu estilo de vida bastante ativo. Ele dormia de oito a nove horas por noite, acordava às cinco da manhã e iniciava o dia comendo cereais integrais com leite de amêndoas. Mais tarde, fazia exercícios, cuidava do jardim e passa o resto do dia com a família, de acordo com reportagem especial da CCTV America.

Essa foi a rotina do médico que se aposentou aos 95 anos. E como ele ainda conseguia ser tão ativo e saudável? “Não consumo nada de origem animal” – era a resposta de Ellsworth Wareham que morava em uma pequena cidade onde as pessoas têm uma expectativa de vida bem superior à média mundial.

Em Loma Linda, na Califórnia, não é difícil encontrar vegetarianos, inclusive, o maior mercado da cidade não comercializa nenhum tipo de carne. Além disso, também baniram o fumo, e o índice de comercialização e consumo anual de álcool está entre os mais baixos dos Estados Unidos.

Nesse cenário com uma população predominantemente adventista não era difícil encontrar o centenário Wareham, que vivia em uma casa de dois andares, onde não demonstrava nenhuma dificuldade em subir a escada. Também era o médico aposentado que cuidava do próprio jardim, um exercício que o permitia se sentir mais próximo da natureza.

Com boa saúde e clareza mental exemplar, ele creditava todos esses benefícios a uma decisão que tomou há 54 anos – banir todos os alimentos de origem animal da sua alimentação. À época, Ellsworth Wareham teve contato com uma pesquisa científica realizada pela Cleveland Clinic, que associou o consumo de proteínas de origem animal com a elevação do colesterol e o aumento do risco de se contrair doenças cardíacas. O ideal, segundo a pesquisa, seria a adoção de uma dieta vegetariana estrita e com baixo teor de gordura.

“Quando eu estava praticando a medicina, eu dizia aos pacientes que a dieta baseada em vegetais é o caminho mais saudável. Sugeri manterem-se afastados de produtos de origem animal o tanto quanto possível. Você pode falar sobre exercícios de relaxamento, atitude mental positiva e as pessoas vão aceitar. Mas se você falar sobre o que estão comendo, elas se mostram muito sensíveis sobre isso. Se um indivíduo estiver disposto a ouvir, tentarei explicar com base científica o que acho melhor para ele”, declarou.

Wareham reconhecia que a realidade de uma parcela bem significativa da população dos Estados Unidos era bem diferente da sua. Segundo o médico, um terço da população dos Estados Unidos vai morrer em decorrência de doença coronariana, e tendo como agravante o consumo excessivo de alimentos de origem animal. “Se você puder evitar isso, vale a pena”, sugeria com a experiência de quem trabalhou no Loma Linda University Medical Center, considerado um dos melhores hospitais de tratamento de doenças cardíacas dos EUA.

Saiba mais

Nascido em 3 de outubro de 1914, o médico Ellsworth Wareham, que também é ex-veterano de guerra, realizou uma das primeiras cirurgias de coração aberto dos Estados Unidos.

Ele orientou residentes da Universidade Loma Linda até os 95 anos.

Referências

http://www.cctv-america.com/2015/10/03/dr-ellsworth-wareham-the-secret-to-living-longer-2

http://www.collective-evolution.com/2015/05/04/100-year-old-vegan-heart-surgeon-retired-at-95-heres-why-hes-been-a-vegan-for-50-years/

http://www.foxnews.com/health/2014/12/16/100-year-old-surgeon-wwii-vet-who-retired-at-age-5-shares-secrets-to-longevity.html


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

SÃO SEBASTIÃO (SP)

DEMANDA CRESCENTE

CRISE CLIMÁTICA

CRUELDADE

ALERTA

LIBERDADE

PROTEÇÃO ANIMAL

COVARDIA

RETROCESSO

UMA ESPIRAL VIRAL


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>