Tubarão filhote é encontrado morto preso a um saco de lona


Um tubarão filhote foi encontrado morto, com a cabeça presa em um saco de lona no oceano, na Tailândia.

Acredita-se que o animal tenha morrido depois de ficar incapaz de nadar e passar água por suas guelras para receber oxigênio, ocasionando o seu sufocamento.

O instrutor de mergulho Andrew Hewett encontrou o animal marinho encalhado flutuando nas águas da Baía da Tailândia, na ilha de Koh Phi Phi Ley, famosa pelo filme de Leonardo DiCaprio, “The Beach”.

Acredita-se que o saco de lona já foi usado para vender arroz antes de ser descartado. Ele pode ter flutuado da ilha, da costa, ou da terra que está longe do mar, chegando ao oceano pelo rio.

Recentemente, dezenas de tubarão-de-pontas-negras-do-recife estão nadando na área pela primeira vez desde que foi fechada ao público em maio.

Autoridades de animais selvagens estão agora investigando o incidente e também estão continuando seus esforços para reduzir o impacto negativo do turismo sobre a sua população local.

O pequeno tubarão foi encontrado com o saco de lona preso em volta de seu corpo (Foto: Daily Mail Online)

Worapot Lomlim, chefe do Parque Nacional Hat Phope Phra Phi Phi, disse: “Fomos notificados sobre isso. Eu ordenei que os policiais investigassem para ver se o tubarão foi pego ou se ficou preso dentro da bolsa por si só”.

“Muitos tubarões-de-pontas-pretas foram encontrados na Baía Maya durante o fechamento da área”.

O biólogo marinho Thon Thamrongnawasawat disse que o Maya Bay está começando a se recuperar desde que a praia foi fechada ao público no começo deste ano. No entanto, autoridades do mês passado estenderam a proibição e fecharam a praia indefinidamente.

“Os tubarões precisam ser capazes de nadar corretamente para poder respirar. Este tubarão não sabia nadar, então ela se afogou”, Thon afirma.

“Olhe para os olhos dele, você saberá como ele está curioso, é como se estivesse perguntando por que ele tem que morrer. Esta imagem indica muito claramente quanto lixo fere o mar”.

“De onde vem a bolsa? Não posso responder, mas posso dizer que a bolsa matou o tubarão”.

Os tubarões de pontas negras podem crescer até 1,5 metro de comprimento e preferem águas rasas. A espécie é frequentemente encontrada nos oceanos Índico e Pacífico.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

MIGRAÇÃO

EXPLORAÇÃO

APELO

LUTO

FLORIANÓPOLIS (SC)

SÃO PAULO

INOVAÇÃO

AMOR

ESTUDO

ÁFRICA DO SUL


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>