Atividade exploratória

Ativistas criticam blogueiras por posarem com urso selvagem para fotografias

Defensores dos animais afirmam que o contato excessivo com humanos pode ser prejudicial ao animal

Um urso selvagem é forçado á posar em fotografias com humanos (Foto: Daily Mail Online)

Defensores dos direitos animais criticaram fotografias em que um urso selvagem é forçado a posar ao lado de blogueiras, na Rússia.

Eles afirmam que o contato excessivo com humanos pode ser prejudicial para o animal.

O urso russo Stepan, de 26 anos, é mantido pelo casal Svetlana e Yuriy Panteleenko em uma imensa propriedade em Moscou.

FAÇA PARTE DO #DiaDeDoarAgora EM 5 DE MAIO
Um urso selvagem é forçado á posar em fotografias com humanos (Foto: Daily Mail Online)

Nos últimos anos, ele tornou-se um ícone de mídia social e muitas modelos o exploram para tirar fotografias ao seu lado e aumentar seus seguidores na Internet.

O Dr. Jade Norris, da RSPCA, disse: “As necessidades sociais, físicas e comportamentais de muitos animais selvagens e exóticos não podem ser satisfeitas em ambientes não naturais e em cativeiro”.

“Animais selvagens como os ursos devem viver na natureza”, ele afirma.

Ativistas criticaram a situação do animal selvagem, afirmando que ele deveria estar livre na natureza (Foto: Daily Mail Online)

Mesmo com os avisos, pessoas do redor do mundo estão vindo para Moscou tirar fotos com o animal. Olga Barantseva, que tira as fotografias de pessoas com o urso, afirmou que já fotografou pessoas vindas do Japão, China, Tailândia, Áustria, Suíça, México e da Índia.

“Agora, estamos conversando com algumas pessoas do Reino Unido e dos Estados Unidos”, ela afirma. Ela completa que ninguém nunca foi machucado nos ensaios.

O contato excessivo com humanos pode ser prejudicial ao animal, de acordo com ativistas (Foto: Daily Mail Online)

O casal que mantêm Stepan afirmaram que o urso assiste televisão com eles e come na mesa de jantar.

Em resposta à situação, Georgie Dolphin, Gerente do Programa Humane Society International para Bem-Estar Animal na Austrália, afirmou que era hora de os animais pararem de ser criados para entreter os humanos:

“Animais selvagens não têm lugar no entretenimento. Em 2018 já é tempo de pararmos de explorar os animais por prazer, desde utilizá-los em performances até como adereços para ‘selfies'”.

“Os animais selvagens pertencem à natureza“, ele afirma.