Porco usado em experimentos morre devido à insolação em universidade


Um porco explorado para experimentos na Texas A & M University (TAMU), nos Estados Unidos, morreu devido à insolação. A PETA (People for the Ethical Treatment of Animals) está pedindo que sejam feitas investigações sobre o caso de maus-tratos.

Um relatório do Departamento de Agricultura dos Estados Unidos consta que o TAMU recebeu uma citação por uma violação “crítica” do Ato de Bem-Estar Animal federal. A violação seria que um porco usado para experimentação morreu por insolação aparente.

“Segundo o relatório, o animal morreu em julho depois de ter sido deixado ao ar livre no calor escaldante do verão, sem abrigo ou água por aproximadamente cinco horas”, disse a PETA.

Depois de ler o relatório, a PETA enviou uma carta ao Gabinete do Procurador do Condado de Brazos, pedindo que investigasse o TAMU e “conforme o caso, registre as acusações de crueldade animal dos responsáveis ​​pela morte do porco”.

Ativistas acusaram a universidade de “indiferença ao sofrimento animal” (Foto: Pixabay)

“A cultura de indiferença ao sofrimento animal no Texas A & M é chocante, e a escola deve enfrentar consequências legais para a morte agonizante deste porco”, disse a vice-presidente sênior da PETA, Kathy Guillermo, em um comunicado.

“Assim como faríamos se um cachorro morresse depois de ser trancado em um carro quente, a PETA está pedindo uma investigação criminal sobre a morte deste porco”.

“A universidade deve aprender com esse incidente e interromper todos os experimentos com animais, começando com seus experimentos horríveis de distrofia muscular canina”, ela afirma.

A universidade diz que implementou medidas para garantir que “tal incidente nunca mais aconteça”.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

SUSTENTABILIDADE

NEGLIGÊNCIA

SOFRIMENTO

PORTO ALEGRE (RS)

INSENSIBILIDADE

GOIÂNIA (GO)

MÉXICO

ACIDENTE

AMOR


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>