75% dos consumidores não se confundem com rótulos de leite vegano


De acordo com uma nova pesquisa do International Food Information Council (IFIC), a maioria dos consumidores entende que os produtos lácteos à base de vegetais não contêm leite animal.

A pesquisa foi realizada depois de empresas fabricantes de leite animal terem pedido a Food and Drug Association (FDA) que limitasse o uso de termos como “leite” em rótulos para se referir apenas a produtos derivados de animais. O argumento citado foi que os consumidores tendem a se confundir.

Entre 4 de agosto e 6 de agosto, mil adultos receberam uma lista de produtos com itens como “leite integral”, “leite com chocolate”, “leite desnatado”, “leite de coco”, “leite de arroz” e “leite de amêndoa” com a pergunta: “Dos produtos abaixo, qual você acha que contém leite de vaca?”.

Em média, 75% dos consumidores declararam que os itens de leite à base de vegetais da lista não continham leite animal e a maioria identificou nomes de produtos corretamente, que se refere a produtos lácteos derivados de animais.

Empresas de leite animal queriam limitar o uso de termos em rótulos de produtos veganos (Foto: VegNews)

A maior confusão estava na categoria “sem lactose”, onde apenas 48% dos consumidores acreditavam que os produtos rotulados com essa terminologia continham leite de vaca.

“Uma maioria significativa das pessoas entende corretamente quais produtos contêm e quais não contêm leite de vacas quando compram vários tipos de produtos rotulados usando a palavra ‘leite'”, afirmou o IFIC.

A pesquisa da IFIC foi publicada em conjunto com o período de encerramento do inquérito Request for Information da FDA em setembro para solicitar comentários públicos sobre os atuais padrões de rotulagem, mostrando que os consumidores não são confundidos pelos rótulos de leite vegano.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

DESMATAMENTO

BARBÁRIE

PRESSÃO INTERNACIONAL

INVOLUÇÃO

UNIÃO

PREVENÇÃO


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>