Cachorro é encontrado amarrado com corda no pescoço em SP


O cachorro foi encontrado quase morto em um bananal em condições precárias — Foto: Reprodução

Um cachorro foi encontrado com uma corda amarrada no pescoço dentro de um bananal em Registro, no interior de São Paulo. O animal foi resgatado por um casal que passava pelo local.

Segundo Monique Nunes da Silva, uma das pessoas que resgatou o cão, o animal estava bastante machucado. “Ele estava praticamente morto quando a gente encontrou”, relembra.

Após encontrarem o cachorro, Monique e seu marido o enrolaram em uma coberta e levaram o animal até a própria casa, no bairro Arapongal, em uma moto.

Desde que ‘Duke’ foi encontrado, a família está cuidando do cachorro, mas é preciso ajuda especializada, já que, por conta dos maus-tratos, ele acabou perdendo parte da visão.

De acordo com Monique, é perceptível que o animal necessita de cuidados. “Ele não consegue nem se levantar para fazer as suas necessidades. Somos nós que temos que levantá-lo. É uma luta”, diz.

Monique também relata que tentou entrar em contato com o Grupo de Proteção aos Animais do Vale do Ribeira (GPA), mas que não obteve resposta.

Ela conseguiu levá-lo em um veterinário na manhã deste sábado (29), que passou um tratamento doméstico para ajudar na recuperação. Caso não surta efeito, o animal precisará ser internado.

“Tem gente querendo ajudar, mas acredito que deve ser alto o valor, então temos medo de não conseguir todo o dinheiro. Eu estou muito triste e meu maior medo é ele não resistir”, finaliza.

Fonte: G1


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

DESUMANIDADE

AGRESSÃO BRUTAL

INDÚSTRIA CRUEL

ECONOMIA

AMEAÇA DE EXTINÇÃO

ACIDENTE

CRUELDADE


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>