Israel envia especialistas ao Brasil para combater queimadas na Amazônia


As queimadas na Amazônia quase triplicaram em agosto, em comparação ao mesmo período de 2018, e superaram a média histórica para o mês


O governo israelense anunciou que, a partir de terça-feira (3), especialistas em catástrofes naturais começariam a ser enviados para o Brasil para auxiliar no combate aos incêndios na Amazônia.

amazonia-queimada
Amazônia em chamas (Foto: Araquém Alcântara)

“Uma delegação israelense de bombeiros e especialistas em resgate parte para o Brasil para ajudar as autoridades locais”, explicou o Ministério israelense das Relações Exteriores em nota enviada à AFP.

Dados do Programa Queimadas do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe) concluíram que as queimadas na Amazônia quase triplicaram em agosto, em comparação ao mesmo período de 2018, e superaram a média histórica para o mês.

Recentemente, o presidente Jair Bolsonaro rejeitou uma ajuda de 20 milhões de euros do G7. Inicialmente, Bolsonaro alegou que só aceitaria a doação se o presidente da França, Emmanuel Macron, se desculpasse por ter afirmando que o presidente brasileiro mentiu ao assumir compromissos em defesa do meio ambiente durante a cúpula do G20 no Japão. Depois, Bolsonaro voltou atrás na exigência sobre o pedido de desculpas, mas alegou que não aceitaria a ajuda do G7 caso não pudesse gerir os recursos. Macron, no entanto, deixou claro que os recursos só seriam doados caso o Brasil não os usasse sozinho, sendo obrigado a trabalhar em parceria com ONGs e populações locais.

Apesar das negativas em relação à doação do G7, a ajuda oferecida por Israel foi prontamente aceita por Bolsonaro. Além dos especialistas, o governo israelense anunciou também que enviaria 100 toneladas de material de combate a incêndios.

No entanto, nesta semana Israel informou que, por enquanto, não enviará o material ao Brasil devido ao custo da entrega. A possibilidade, porém, de comprar os produtos em outras localidades e até mesmo no Brasil ainda é estudada.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, independentemente do valor, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.



Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

PROTEÇÃO ANIMAL

ALERTA

VITÓRIA

INVESTIGAÇÃO

FLÓRIDA

JAPÃO

AVANÇO

COMPORTAMENTO


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>