Jacaré perde cauda em briga e ganha prótese para voltar a viver normalmente


Em 2005, durante um resgate de 32 jacarés em uma tentativa de contrabando através de uma fronteira na cidade de Phoenix, no estado norte-americano do Arizona, um pequeno animal se destacou do resto. Ele não tinha a cauda, e parecia ter muita dificuldade para realizar atividades cotidianas. Veterinários acreditam que ele perdeu em uma briga com outro jacaré.

Reprodução | Daily Mail

O pobre animal, muito aflito, logo foi levado para os cuidados da Sociedade Herpetológica de Phoenix, para conviver com outros jacarés. O problema é que pela falta da cauda, Mr. Stubbs – como foi chamado pela equipe do local – não era capaz de nadar ou andar corretamente. Era praticamente impossível que ele conseguisse conviver em harmonia com seus colegas répteis.

Foi então que o Dr. Justin Georgi, professor associado da Universidade do Meio-Oeste, no Arizona, entrou em cena para ajudar. Com a ajuda de uma impressora 3D, ele resolveu criar uma prótese para permitir que Stubbs pudesse agir como qualquer outro jacaré. Para que isso fosse possível, ele primeiro fez os moldes e em seguida a impressora foi usada para criar o resto.

Reprodução | Daily Mail

Em pouco tempo, o animal se acostumou com a nova cauda e pode ser visto fazendo tudo o que acreditava que não faria mais, como nadar tranquilamente, e andar com equilíbrio.

Graças a iniciativa de pessoas bondosas, que enxergaram naquele pobre animal uma chance de recuperação, Stubbs pode hoje nadar entre sua espécie mais uma vez.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

ABUSO

ÓRFÃO

COREIA DO SUL

SOB INVESTIGAÇÃO

AGRESSÃO BRUTAL

INSTINTO

VIDA NA RUA


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>