Bill Gates investe em empresa que promete diminuir o desperdício de alimentos


A empresa Apeel Sciences acaba de receber um investimento de US $ 70 milhões de Bill Gates e Melinda Gates para expandir seus negócios. A companhia foi apoiada pelo magnata após desenvolver um produto semelhante a uma casca natural, que promete aumentar o tempo de vida dos alimentos naturais, principalmente de frutas, com o propósito de diminuir o desperdício de alimentos.

A empresa Apeel Sciences acaba de receber um investimento de US $ 70 milhões de Bill Gates e Melinda Gates para expandir seus negócios.
(Foto: Reprodução)

O investimento de Gates foi garantido após a empresa alcançar grande visibilidade em junho, quando abacates com a “casca” Apeel passaram a ser comercializados nas lojas de alimentos Costco e Harps nos EUA. Desde a introdução da novidade, a Harps registrou um aumento de 10% nas vendas de produtos de abacate, comprovando que de redução de desperdício de alimentos gera lucro para fornecedores e varejistas de alimentos frescos.

O desperdício e descarte de alimentos estragados também representam dois grandes fatores poluentes e contribuintes para a mudança climática. Cerca de 14% das emissões de gases de efeito estufa oriundas da agricultura poderiam ser evitadas se o uso e a distribuição de alimentos fossem gerenciados de forma mais efetiva.

A quantidade de comida desperdiçada anualmente, apenas pelos Estados Unidos, representa cerca de 30 milhões de acres de terra. Os resíduos alimentares liberam metano, um gás poluente ainda mais perigoso que o dióxido de carbono.

Tendo em vista os impactos causados pelo desperdício e descarte de alimentos, a expansão da Apeel Science é extremamente importante e pode ocasionar uma mudança em toda a indústria alimentícia.

O produto

Usando os próprios materiais naturais encontrados na casca de plantas, a Apeel incorpora uma camada adicional ao produto, fornecendo um reforço. Isso diminui a taxa de oxidação e perda de água, as duas principais causas de deterioração.

Alimentos com a camada protetora durarão cerca de duas a três vezes mais do que o usual, um fator extremamente relevante para os consumidores. As frutas e verduras muitas vezes são até negligenciadas justamente pelo receio de que estraguem antes de serem consumidas. Dessa forma, o aumento da vida útil do produto encorajará as pessoas a consumirem uma dieta mais saudável.

O principal objetivo da empresa é ajudar a reduzir a perda de alimentos pós-colheita nos países em desenvolvimento que não têm acesso à refrigeração. Porém, assim como demonstrado o sucesso na Costco e Harps, o produto também é de grande interesse nos países desenvolvidos.

A expectativa é que a expansão da empresa cause um impacto positivo na produção, nas vendas, na saúde das pessoas e no planeta.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

AVANÇO

COMPORTAMENTO

'SAVE RALPH'

ÍNDIA

REVOLTA

AÇÃO SOCIAL

MÉXICO


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>