ONG Patre entra na luta com ativistas de todo Estado pela aprovação do PL 31 na Alesp


Divulgação

Na última terça feira, dia 31, foi mais um dia em que o PL 31 encheu a Assembleia Legislativa de São Paulo de ativistas e protetores, que estão na luta pela aprovação do projeto de lei que proíbe o embarque de animais vivos nos portos do estado de São Paulo.

A pressão por parte de representantes da causa animal já dura semanas com o intuito de pedir que o projeto de lei entre na pauta. Além de ativistas e diversos grupos de proteção animal, estavam presentes na sessão o vereador Eduardo Nóbrega e a ONG Patre.

Divulgação

“A nossa luta é pelo óbvio, são vidas! Aqueles animais sentem medo, fome, dor, frio, enfrentaram cerca de 600 km / 8-14 horas, até o destino de embarque sem acesso a água e alimento. E não para por ai! Amontados, os bois não terão sequer espaço para deitar no navio e descansar. Até chegarem no destino final, no Porto de Iskenderun, na Turquia, eles enfrentarão quase 6 mil milhas náuticas, que representam cerca de 11 mil km, tudo em meio a muito estresse, fezes e urina”, disse Cynthia Gonçalves, idealizadora da Patre.

Divulgação

A luta pela proibição do embarque de animais vivos está longe de acabar, na sessão da última terça, além de não pautar o projeto de lei 31, o presidente da Alesp, Cauê Macris, adiou a votação para outubro de 2018, após às eleições. Notícia que causou revolta e manifestações de ódio dentro do plenário.

“Não desistiremos, estaremos aqui todos os dias! Assassinos!” esse era o coro dos ativistas.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

DOÇURA

EXTINÇÃO

SONHO REALIZADO

CARIBE

POLÍTICA AMBIENTAL

SÃO PAULO

AÇÃO HUMANA

TRAGÉDIA

MASSACRE


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>