RARIDADE

Elefante dá à luz gêmeos em santuário africano

RARIDADE

790

11/07/2018 às 15:00
Por Bárbara Alcântara, ANDA

Cerca de 1.600 elefantes andam livremente, junto com suas famílias e amigos, no Parque Nacional de Amboseli, no Quênia. Mesmo com essa grande quantidade de animais, recentemente, os novos bebês que foram acolhidos eram muito especiais. Eles são tão raros, na verdade, que o parque não via isso desde 1980: elefantes gêmeos.

Reprodução | The Dodo

Um macho e uma fêmea, os filhotes nasceram no final de maio. A mãe, uma adulta de 38 anos chamada Paru, faz parte de uma família de 40 membros – e todos, incluindo a irmã mais nova dos bebês, estão ajudando a cuidar deles. Pesquisas sugerem que há menos de 1% de chance de que os elefantes da mãe dêem à luz gêmeos e, caso eles nasçam, é muito provável que um morra logo após o nascimento.

Agora com dois meses de idade, os pequenos continuam a desafiar as estatísticas. Eles estão se cuidando muito bem; nunca se afastam muito da mãe ou do resto da família. Eles estão no melhor lugar para se manterem seguros também: no parque nacional, membros da comunidade local e guardas florestais se unem para proteger os animais de serem vítimas da caça.

Reprodução | The Dodo

Felizmente, os bebês vivem na natureza, que é onde pertencem – mas nunca estão muito longe de guardas florestais para o caso de precisarem de ajuda. Sábia decisão, já que os oficiais já sentem que os elefantes são da família, e não poderiam estar mais animados para vê-los crescer.

Reprodução | The Dodo

“Este é um cenário muito singular em termos de conservação, particularmente na população de elefantes”, disse Kenneth Ole Nashu, diretor do parque, em entrevista a portal da região. “Estamos muito orgulhosos e agora estamos monitorando tudo para garantir que os bebês estejam saudáveis”.