A marca vegana Stella McCartney é considerada a mais gentil com os animais


A marca de moda vegana Stella McCartney foi classificada em primeiro lugar em empatia, generosidade e bondade no “Índice de Marca Emocionalmente Inteligente”, do Instituto de Luxo, com sede em Nova York.

McCartney, filha do ex-Beatle Sir Paul McCartney, superou as principais marcas de luxo, incluindo Chanel e Louis Vuitton, ao conquistar o primeiro lugar nessas categorias. O ranking do Instituto de Luxo analisa a maneira que as marcas relacionam-se com seus clientes, funcionários e a sociedade em geral, incluindo seu impacto no meio ambiente.

A marca vegana Stella McCartney foi classificada em primeiro lugar em empatia, generosidade e bondade no “Índice de Marca Emocionalmente Inteligente”.
Foto: Reprodução

O CEO do Instituto, Milton Pedraza, afirmou que hoje uma marca não é conhecida apenas por seus produtos, mas também pelos ideais e medidas que apoia. Ele também disse que os consumidores mais jovens, conhecidos como Millenials, cobram mais por posturas das marcas que beneficiem o planeta e os animais.

Graças a isso, um número crescente de marcas de luxo está fazendo mudanças fundamentais em sua abordagem ao meio ambiente e à ética. No início deste ano, a Versace anunciou que removeria peles de seus projetos. A Fendi também adotou a postura contrária ao uso de peles em seu desfile mais recente, utilizando peles falsas, opção mais alinhada aos valores dos Millennials.

Até mesmo companhias aéreas como a Virgin Atlantic estão tomando medidas para compromissos mais sustentáveis ​​e responsáveis. A empresa anunciou recentemente que removeria a carne bovina e produtos à base de óleo de palma dos cardápios dos voos. No início deste ano, a marca de carros de luxo Tesla também anunciou mudanças para substituir o couro do interior de seus carros.

A marca Stella McCartney, estabelecida em Londres, não utiliza nenhum tecido oriundo de animais, incluindo couro, peles e penas. Os designs inovadores e têxteis de McCartney também lhe renderam o 4º lugar em confiabilidade, o 17º lugar em qualidade e o 6º em atendimento ao cliente.

Mais recentemente, McCartney ganhou as manchetes quando Duquesa de Sussex, Meghan Markle, usou um vestido da marca na recepção do casamento real. A estilista vegana também participou do baile Met Gala em Nova York no início deste ano ao lado da celebridade vegana Miley Cyrus e Paris Jackson. Todas as três mulheres utilizaram modelos de McCartney e apoiam a não-exploração de animais pela indústria fashion.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

MAUS-TRATOS

EMPREENDEDORISMO

AÇÃO HUMANA

CONSCIENTIZAÇÃO

ABUSO

ÓRFÃO

COREIA DO SUL

SOB INVESTIGAÇÃO

RETROCESSO


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>