Ariana Grande fala sobre sua opção pelo veganismo e diz amar animais


Ariana Grande adotou o veganismo como filosofia e dieta alimentar | Foto: Shutterstock
Ariana Grande adotou o veganismo como filosofia e dieta alimentar | Foto: Shutterstock

A cantora Ariana Grande sempre se certifica de comer de forma saudável, além de ter abraçado totalmente uma dieta vegana. “Me tornei vegana nos últimos anos e tem sido uma ótima experiência para mim”, ela disse. Obviamente, ser vegano significa que sua dieta evita qualquer coisa feita com produtos de origem animal. Então, em vez disso, ela cria suas refeições a partir de receitas à base de vegetais que dão combustível para que ela cumpra sua agenda e viva da melhor forma possível sua agitada vida.

Em uma entrevista ao jornal The Mirror, ela contou o que promoveu suas escolhas alimentares e sua mudança de estilo de vida: “Eu amo animais mais do que amo a maioria das pessoas, e não estou brincando. Mas acredito firmemente que se alimentar de forma vegana numa dieta completamente a base de vegetais, pode expandir sua vida e torná-lo uma pessoa mais feliz. É complicado jantar fora, admito, mas eu fico só com o que eu já conheço – vegetais, frutas e salada – então quando eu chego em casa eu tenho mais opções”.

Ao V Magazine, ela disse que não acha que os humanos deviam estar bebendo o leite das vacas. E desde então, ela tem falado abertamente sobre suas escolhas, crenças e razões em prol dos direitos animais e de uma vida com mais compaixão.

A treinadora de Ariana, Harley Pasternak, descreve sua dieta essencialmente como alimentação ao estilo “japonês macrobiótico”. Harley conta que Ariana ama lótus, feijão azuki e daikon. Uma dieta macrobiótica é uma dieta equilibrada, com alimentos integrais que promove a saúde enquanto limpa o organismo. Ela também disse que Ariana gosta de mirtilos, aveia, batata-doce, abóbora, cenoura, brócolis, banana, pitaia, e tigelas de açaí, todos deliciosos vegetais.

De origem italiana, Ariana fez grandes mudanças em sua dieta: “Eu não como muitas coisas italianas porque sou vegana. Eu cresci com carne e queijo, então tive o suficiente para a vida normal de qualquer um”. Embora ela tenha admitido que comer fora pode ser um pouco complicado, à medida que mais restaurantes veganos abrem as portas, essa dificuldade se dissipa.

Muitos de seus ingredientes favoritos podem ser usados em uma variedade de pratos. Para o café da manhã, por exemplo um prato de aveia com blueberries. Este lindo e nutritivo smotthie de pitaia pode ser preparado rapidamente para as manhãs ocupadas em que seja necessário tomar a caminho de algum compromisso.

Aveia com blueberries | Foto: Wikimedia Commons
Aveia com blueberries | Foto: Wikimedia Commons

Quanto ao açaí, definitivamente ela é fã incondicional. O açaí é uma ótima fonte de antioxidantes, é possível fazer um açaí de 3 minutos, recheado com pedaços de abacate, banana e cacau, fica delicioso. Ou também este refrescante smoothie de açaí com mirtilo.

Açaí de 3 minutos, recheado com pedaços de abacate, banana e cacau | Foto: Wikimedia Commons
Açaí de 3 minutos, recheado com pedaços de abacate, banana e cacau | Foto: Wikimedia Commons

Para o almoço, existe uma infinidade de combinações veganas deliciosas como esta receita de feijão azuki e couve com hummus e batata doce, ou esta sopa de côco tailandesa com cenoura e batata doce. Uma salada de algas também é uma ótima opção, além de ser deliciosa é saudável. Ou uma tigela de sushi com tofu em crosta de sésamo, que tem sabor exótico acompanhado de uma aparência sedutora.

Tigela de sushi com tofu em crosta de sésamo | Foto: Wikimedia Commons
Tigela de sushi com tofu em crosta de sésamo | Foto: Wikimedia Commons

Ariana postou algumas vezes, talvez diariamente, alguns pratos preparados por ela mesma em casa. Ela mencionou no Twitter sua paixão por espinafre, assim como seu amor por diferentes jantares macrobióticos. Um exemplo de refeição macrobiótica é este millet de couve-flor esmagada com shiitake ou este prato de arroz marrom, que pode ser coberto com vegetais frescos. Ou ainda, este saboroso mabo tofu.

Arroz marrom coberto com vegetais frescos | Foto: Wikimedia Commons
Arroz marrom coberto com vegetais frescos | Foto: Wikimedia Commons

Para algumas opções com abóbora, há uma receita de abobora apimentada e sopa de feijão e este espaguete de abóbora acompanhado de uma tijela de teriyaki, ambos são perfeitos para o jantar.

Abóbora apimentada com sopa de feijão | Foto: Wikimedia Commons

Com base em uma filosofia fundada por George Ohsawa, a dieta macrobiótica foi feita para criar equilíbrio e vitalidade aplicando os princípios asiáticos do yin e yang a toda a sua vida, incluindo exercícios, saúde mental e alimentação.

Assim como Ariana, cada vez mais pessoas estão se tornando veganas e espalhando a cultura do veganismo.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

VIDAS PERDIDAS

DEDICAÇÃO

SOFRIMENTO EMOCIONAL

DOÇURA

AÇÃO HUMANA

JAPÃO

FINAL FELIZ

POLUIÇÃO SONORA


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>