Macaco encontrado morto tem confirmação de febre amarela no RJ


O Clube dos Funcionários da Companhia Siderúrgica Nacional (CFCSN), em Volta Redonda, no estado do Rio de Janeiro, informou em nota à imprensa que foi confirmada a contaminação por febre amarela em um macaco encontrado morto em sua área.

(Foto: Divulgação / Imagem Ilustrativa)

A circulação de macacos no local, de acordo com a nota, é comum, visto que o clube é localizado às margens da Floresta da Cicuta. “No entanto, aproveitamos para lembrar que os macacos também são infectados pelo vírus, mas não transmitem a doença”, informou o comunicado.

O CFCSN promoveu uma campanha interna de vacinação que imunizou todos os seus colaboradores e também os associados que compareceram. O clube fará ainda um alerta aos associados e visitantes por meio das mídias da instituição lembrando a importância de tomar a vacina. Porém, é importante informar à população que não há motivo para alarme, pois quem tem registro de uma dose da vacina contra febre amarela está imunizado.

Fonte: A Voz da Cidade


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

MAUS-TRATOS

DESMONTE AMBIENTAL

ZOOFILIA

RÚSSIA

FINAL FELIZ

CRUELDADE

CRISE ECONÔMICA

SINERGIA


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>