Tutores de cães recebem bilhete com ameaça assinado por ‘Dr. Chumbinho’


Tutores de cachorros que moram no bairro Jardim Prestes de Barros, no município de Sorocaba, no interior de São Paulo, receberam um bilhete com ameaças de envenenamento aos cães.

(Foto: Arquivo pessoal)

“Cale ou livre-se de seu cachorro. Você tem 5 dias para isso. Não haverá outro aviso destes”, diz o recado, que foi assinado por uma pessoa que se identifica como “Dr. Chumbinho”, nome que faz alusão ao envenenamento de animais realizado por meio do veneno.

Paulo Saboia, de 38 anos, foi um dos moradores que recebeu o bilhete. De acordo com ele, a cadela tutelada pela família, da raça akita, costuma ficar no quintal em frente à casa durante o dia. O local também é utilizado pelo filho de Paulo, um menino de dois anos que brinca no espaço após chegar da escola.

“Meu medo é que joguem veneno. Além de tentar matar a cadela, meu filho pode colocar na boca e ficar gravemente machucado”, lamenta. As informações são do portal G1.

O morador recolheu o bilhete e questionou os vizinhos para saber se eles também tinham sido ameaçados. A resposta foi positiva e Paulo descobriu que o recado impresso em papel foi deixado, inclusive, em residências nas quais não há cães, o que, segundo ele, indica que o responsável pela ameaça não sabe quais são os imóveis onde vivem cachorros.

“É alguém muito covarde, porque você pensa no seu cachorro como se fosse um filho. Perdemos a liberdade dentro da própria casa, porque não podemos deixar o animal na garagem e o filho brincando”, afirma.

O responsável pelo bilhete ainda não foi localizado. No entanto, um boletim de ocorrência deve ser registrado pela família em uma delegacia de Polícia Civil.

O envenenamento de animais é crime previsto na Lei de Crimes Ambientais e tem como penalidade detenção de três meses a um ano, além de multa. A pena é aumentada de um sexto a um terço em caso de morte do animal.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

MAUS-TRATOS

PROTEÇÃO ANIMAL

INESPERADO

ASCENSÃO

GRATIDÃO

INDEFESAS


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>