Atriz Paris Jackson abandona desfile da Dior em protesto contra a exploração animal


Desfile da Dior contou com a péssima utilização de cavalos na divulgação da coleção da nova temporada. Foto: Instagram

Na última sexta-feira (25), foi realizado no Musee Vivant du Cheval em Chantilly, na França, o desfile da temporada 2019 da Dior. A marca de luxo reúne muitas celebridades em seus eventos e emplaca diversas tendências.  

Herdeira do “rei do pop”, Paris Jackson esteve no lançamento da coleção, porém ficou inconformada com a insensibilidade da marca.

A organização do evento explorou vários cavalos para fazer parte do cenário e carregar os modelos pela passarela. Ao ver a cena, logo no início do desfile, a atriz, modelo e também ativista em defesa dos direitos animais, de 19 anos, deixou o local imediatamente em protesto ao uso de animais na divulgação da coleção.

Em sua última apresentação, a grife francesa recriou outro péssimo ambiente para os animais: a tourada mexicana. Aparentemente sem saber que Paris já havia declarado repúdio a esse tipo de atividade brutal, seguindo um posicionamento do próprio Michael Jackson, a marca apostou novamente na crueldade animal.

A estrela, que havia sido clicada em clima descontraído mais cedo andando em poças de água, deixou o local irritada.

A Harper’s Bazaar reconheceu a ação de Paris como um protesto contra a exploração de animais para ações de marketing. Enquanto matérias, como a do Women’s Wear Daily, tentaram desmoralizar a atitude, alegando que Paris deixou o show devido à “aversão a chuva” que caía no dia.

Nem Paris nem representantes da Dior se pronunciaram sobre o ocorrido até o momento.

A jovem não esconde seu amor e respeito pelos animais, inclusive consumindo apenas alimentos orgânicos e livres de crueldade animal. Ela recentemente declarou sua intenção de promover ações positivas no mundo. Em um post no ano passado ela afirmou “luto pelos direitos humanos, pelos direitos animais, e também pelo meio ambiente”.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

PAUTA EMERGENCIAL

SOLIDARIEDADE

GESTO DE AMOR

TAILÂNDIA

ESTUPIDEZ HUMANA

POLUIÇÃO

AUSTRÁLIA


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>