Biólogo e veterinário de zoo são denunciados por maus-tratos a animais em Sorocaba (SP)


Um biólogo e um médico veterinário foram denunciados por maus-tratos contra animais do zoológico Quinzinho de Barros, localizado no município de Sorocaba, no interior de São Paulo.

(Foto: Agência Sorocaba)

De acordo com relatório da Corregedoria Geral do Município, macacos-prego explorados pelo zoológico sofreram maus-tratos. Foi comprovado que até o ano de 2015 os animais que ficam isolados em uma ilha eram colocados em gaiolas e afogados para que passassem a ter medo da água. Não se sabe se a crueldade se estendeu aos anos seguintes, já que a última vez em que novos macacos chegaram ao zoológico foi em 2015. A prática cruel, feita a partir da ordem de um biólogo, tinha o intuito de impedir que os macacos tentassem sair da ilha.

Foi constatado ainda o uso de medicamentos vencidos no tratamento dos animais, ato coordenado por um médico veterinário, e indícios de alimentação imprópria, além de animais feridos ou que não estavam recebendo cuidados corretos e recintos de animais com dimensões inadequadas. Recomendações para que as irregularidades fossem imediatamente corrigidas foram direcionadas ao zoológico e à Secretaria de Meio Ambiente, Parques e Jardins (SEMA). As informações são da coluna “O Deda Questão” do Jornal da Ipanema da Rádio Ipanema, de autoria do jornalista Djalma Benette.

O relatório foi entregue ao presidente da Comissão de Meio Ambiente e de Proteção e Defesa dos Animais da Câmara de Vereadores, João Donizeti (PSDB). Uma cópia integral dos autos será encaminhada ao Ministério Público local que, segundo a assessoria do parlamentar, receberá uma denúncia, assim como a Polícia Civil, que já havia instaurado inquérito para apurar o caso, também a Secretaria de Assuntos Jurídicos, para que um processo administrativo disciplinar seja aberto, e as entidades de classe, como Conselhos de Biologia e de Medicina Veterinária.

O caso chegou à Corregedoria Geral do Município após ser encaminhado pela SEMA. A primeira denúncia, entretanto, foi feita ao ambientalista Gabriel Bitencourt, colunista do Jornal de Ipanema, que foi vereador de Sorocaba durante três mandatos e é conhecido por atuar em defesa de questões ambientais há mais de 30 anos.

A denúncia direcionada ao ambientalista foi realizada através de uma gravação entre estagiários e profissionais do zoológico, em fevereiro deste ano. O áudio revelava a crueldade cometida contra os macacos.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

MAUS-TRATOS

HABITATS DESTRUÍDOS

OMISSÃO

ECONOMIA CIRCULAR

DEDICAÇÃO

TECONOLOGIA

COMPAIXÃO

DESGOVERNO


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>