Gata com deficiência faz fisioterapia após ser encontrada se arrastando pela rua


Uma gata de sete meses de idade encontrada se arrastando pelas ruas devido a uma deficiência nas patas foi resgatada e está fazendo fisioterapia há mais de cinco meses para fortalecer os músculos e voltar a andar.

(Foto: Ana Clara Almeida Silva/ Arquivo pessoal)

Pudim, como passou a ser chamada, nasceu sem os ligamentos das patas traseiras. Depois do resgate, ela foi diagnosticada com três infecções urinárias, mas foi tratada e se curou.

A gata foi encontrada pela psicóloga Ana Clara Almeida Silva nas proximidades do bairro Cristo Rei, no município de Várzea Grande, no Mato Grosso. A mulher, que tutela um casal de gatos, decidiu resgatar Pudim para que ela não fosse atropelada.

Exames foram realizados para descobrir se a gata havia sofrido alguma lesão no osso das patas. “Ao que tudo indica, ela não sofreu nenhuma lesão e após exames foi revelado que ela tinha nascido sem os ligamentos”, contou. As informações são do portal G1.

A cadeira de rodas para animais não foi indicada pelo veterinário para o caso da gata. Isso porque o problema dela é não ter força para sustentar o corpo. “Eles recomendaram não usar a cadeira porque ela consegue movimentar as patas dianteiras”, disse.

Além das infecções, uma crosta de pele morta se formou no corpo da gata, mas com o uso de antibióticos e pomadas, as feridas foram curadas. E apesar de ainda ter dificuldades para se movimentar, a gata consegue brincar e até mesmo escalar os móveis da casa da tutora.

“Ela come tudo e também quer escalar os móveis. Ela é muito agitada”, concluiu.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

EXPLORAÇÃO

APELO

LUTO

FLORIANÓPOLIS (SC)

SÃO PAULO

INOVAÇÃO

AMOR

ESTUDO

ÁFRICA DO SUL

CÂNCER DE PELE


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>