CRIME BRUTAL

Gato é morto ao ser colocado dentro de máquina de lavar roupa

O gato, que foi submetido a duas lavagens, não resistiu.

794

13/03/2018 às 20:30
Por Redação

Um gato foi brutalmente morto ao ser colocado dentro de uma máquina de lavar roupa na Espanha. A responsável pelo crime, que não teve a identidade revelada, filmou o momento em que matou o animal e divulgou o vídeo em uma rede social.

(Foto: Divulgação / Imagem Ilustrativa)

O gato foi submetido a duas lavagens. Como sobreviveu ao primeiro ciclo, a mulher decidiu ligar a máquina novamente e, desta vez, colocou detergente. “Pronto, continua miando. Até parece que os gatos não têm sete vidas”, afirmou a agressora enquanto gravava as imagens.

O vídeo revoltou internautas, que reuniram mais de 300 mil assinaturas em uma petição online que pede que a mulher seja levada à Justiça. A Plataforma Cívica de Justiça e Defesa Animal, uma organização espanhola sem fins lucrativos, está investigando o caso e juntando provas. As informações são do portal Sábado.

A presidente do Partido Animalista de Espanha, Silvia Barquero, afirmou, em entrevista ao jornal espanhol 20 minutos, que deseja que a agressora “seja condenada à pena máxima por maus-tratos animais, que seria de 18 meses de prisão e 3 anos de impossibilidade de ter animais”.

De acordo com Silvia, o caso demonstra “uma falta de empatia total por parte do agressor e deve ter consequências exemplares.” A advogada da entidade, segundo Silvia, já possui o nome da agressora e irá acusá-la pelo crime de maus-tratos.