Conheça a ativista que investe em tecnologia para salvar animais e o sistema alimentar


Para Ela Madej, parceira fundadora da Fifty Years, um fundo VC em fase inicial, eles não são realmente problemas, mas oportunidades.

Foto: Reprodução, One Green Planet

Ela é uma empresária de tecnológica com uma paixão por compreender como nossas ações afetam o mundo. Após aprender sobre as ineficiências e inúmeras consequências indesejadas do nosso sistema alimentar atual, ela se tornou vegana e tem usado sua plataforma para ajudar a encontrar soluções tecnológicas para a crise alimentar mundial.

Para Ela, o Silicon Valley não se trata de ganhar dinheiro rápido, mas sobre desenvolver tecnologia para objetivos que podem impactar positivamente a sociedade atual. Ela investiu em mais de 30 empresas privadas em áreas como biologia sintética, energia, tecnologia espacial, tecnologia da saúde, tecnologia alimentar, veículos autônomos entre outras.

Em um episódio recente do podcast EatForThePlanet com Nil Zacharias, a empresária explicou que acredita que o espaço tecnológico  possui belas maneiras de reparar o sistema alimentar destruído.

Desde ajudar a diminuir o uso de pesticidas por meio da tecnologia de crescimento inovadora a possibilitar o transporte  de produtos frescos para os locais mais necessitados, Ela procura muitas oportunidades diferentes para que as empresas melhorem a forma como nos alimentamos. Além disso, ela também investiu na Memphis Meats, a empresa pioneira que produz carnes em laboratório e a Geltor, uma empresa de tecnologia que produz gelatina vegana.

Durante o podcast, Ela fala sobre o estado atual da nossa economia e porque o capitalismo precisa evoluir se quisermos nos preparar para um futuro que será prejudicado pelas mudanças climáticas. Ela também aborda a função da Inteligência Artificial e por que é tão importante desenvolver tecnologia que beneficia os animais, a saúde humana e o planeta, destaca o One Green Planet.

A tecnologia ajudou a construir nosso sistema alimentar industrializado atual, mas também resultou em muitas consequências inesperadas. Ao mecanizar e expandir a indústria da carne e dos laticínios, por exemplo, geramos uma crise ambiental na qual a agropecuária provoca um desmatamento descontrolado, a poluição do ar e da água e mais emissões de gases de efeito estufa do que todo o setor de transporte.

Agora temos a oportunidade de desenvolver uma tecnologia melhor que pode ajudar a solucionar nosso sistema alimentar.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

TURQUIA

AMOR

ASFIXIA

ATO DE AMOR

GENEROSIDADE

MOÇAMBIQUE

ÍNDIA

MINAS GERAIS

ESTUDO


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>