Cadela e oito filhotes recém-nascidos são abandonados em Palmas (TO)


Foto: Igor Flávio/Secom Palmas

Uma cadela e seus oito bebês recém-nascidos foram covardemente deixados na porta do Centro de Controle de Zoonoses da cidade de Palmas (TO). Administração do local afirma que um homem tentou deixar os animais sob os cuidados do órgão, mas foi alertado que ali não era um abrigo e um local apropriado para acolher animais sadios.

Apesar de parecer ter entendido a explicação, o homem esperou o funcionário se afastar e abandonou os animais, indo embora rapidamente. “Não conseguimos identificar a pessoa que fez isso. O nosso colaborador até viu o homem e alertou que não poderia deixar os animais, mas foi só o tempo dele voltar ao trabalho e o homem deixar a mãe e os filhotes aqui na porta”, contou a gerente Betânia Costa em entrevista ao portal G1.

A família de cães recebeu avaliação veterinária e está saudável. Serão disponibilizados para adoção responsável em breve, pois os bebês ainda estão sendo amamentados. Betânia afirma ainda que lamentavelmente este não é um caso raro. “Pessoas pegam animais para criar e depois não querem mais e abandonam aqui como se fosse um local de descarte de animais”, desabafa.

Foto: Igor Flávio/Secom Palmas

O Centro de Controle de Zoonoses (CCZ) é um órgão público responsável pelo recolhimento de animais diagnosticados com doenças que podem afetar seres humanos como leishmaniose, calazar e raiva. Está longe de ser um local ideal para animais saudáveis, pois muitos dos cães e gatos que lá entram, na maioria das vezes nunca mais saem.

O local também realiza a esterilização de animais gratuitamente em todo o país. O CCZ de Palmas realiza o procedimento mediante agendamento pela internet.

É importante ressaltar que abandono de animais é crime federal amparado pela lei de crimes ambientais e pode ocasionar até um ano de detenção, além de multa. Também é de fundamental relevância considerar que assim como seres humanos, animais têm direitos a tratamento médico e todos os cuidados paliativos disponíveis em casos de doenças sem cura conhecida ou possível.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

SOFRIMENTO

DIFICULDADES FINANCEIRAS

BELO HORIZONTE (MG)

COVARDIA

CRUELDADE

PROTEÇÃO ANIMAL

ALERTA

VITÓRIA

INVESTIGAÇÃO

FLÓRIDA


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>