Homem atira contra gato que tentava comer ração em sua casa


Um homem de 55 anos, que não teve a identidade revelada, foi preso após atirar contra um gato. O motivo do ato cruel teria sido uma tentativa do gato de se alimentar com a ração de outros gatos tutelados pelo homem. O crime aconteceu em Umuarama, no Paraná. O gato não se feriu.

(Foto: Flávia Azevedo/Umuarama News)

Abandonado, o gato circula frequentemente pelas ruas do bairro Parque Bandeirante à procura de alimento.

Ao perceber que o gato havia entrado em seu quintal e estava tentando comer a ração dos dois gatos tutelados pela família, o homem perseguiu o animal segurando um revolver calibre 38, com o qual atirou seis vezes contra o gato, segundo informações da Polícia Militar divulgadas pelo G1.

Assustado, o gato se escondeu dentro de um bueiro que fica próximo a casa de um policial. Ao ouvir os disparos, o PM foi verificar o que estava acontecendo e encontrou o homem armado.

Além do revólver, que estava com registro vencido desde 2013, munição foi apreendida na casa do homem, que foi autuado pelos crimes de disparo de arma de fogo e porte ilegal de arma.

Nota da Redação: a ANDA reforça a necessidade de haver uma legislação mais rígida e que seja melhor aplicada em casos de maus-tratos contra animais. É inaceitável que um caso que tenha colocado em risco a vida de um gato termine em autuação apenas por disparo de arma de fogo e porte ilegal de arma e deixe de punir o criminoso pelo ato cruel praticado contra o animal.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

MAUS-TRATOS

DEBILITADO

DECISÃO JUDICIAL

INSPIRAÇÃO

DENÚNCIA

MUDANÇAS CLIMÁTICAS

RETROCESSO

RESPONSABILIDADE

SOLIDARIEDADE


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>