Ensaio de gatos recém-nascidos para adoção faz sucesso na internet


Ensaios “newborn” consistem em fotografar bebês recém-nascidos. Eles são usados pelas mães como uma forma de comemorar a chegada do filho ao mundo. Entretanto, a técnica não é usada apenas para fazer registros de seres humanos, os animais também são fotografados.

(Foto: Alanna Rodrigues)

Para encontrar novos lares para filhotes de gato recém-nascidos, a estudante de biologia Alanna Rodrigues decidiu fazer o ensaio “newborn pet”. “Eu sempre gostei de bichinhos e de fotografar. Justamente na semana em que eu estava estudando sobre o ‘newborn pet’, a gata deu cria e eu uni o útil ao agradável”, conta a universitária em entrevista ao G1.

A estudante relata ter sido fácil fazer as fotografias. Segundo ela, os gatos dormiam durante quase todas as sessões, apenas nas últimas eles estavam mais ativos e curiosos.

Ao publicar as fotografias nas redes sociais, as imagens foram parar em um grupo com mais de 124 mil membros. “Muita gente veio conversar comigo, falando que adorou as fotos e demonstrou interesse em adotar. Recebi, inclusive, elogios de fotógrafos da área. Por fim, duas meninas foram escolhidas e esperamos desmamar para doá-los”, explica Alanna.

Isabel Terenciano adotou a fêmea, batizada de Charlotte. “Quis uma companhia e agora eu tenho. Ela é uma gracinha”, conta.

As fotos animaram Alanna não só a se especializar na técnica e aprimorar suas habilidades sobre fotografia de animais, como também a desempenhar um papel social, auxiliando animais abandonados a encontrar um novo lar.

“Uma pessoa já entrou em contato comigo pedindo para fotografar os gatinhos que ela resgatou. Quero ajudar as ONGs e as pessoas com isso. Acredito que dessa forma chama mais a atenção das pessoas, não tem como resistir”, conclui.

Veja mais fotos do ensaio:

(Foto: Alanna Rodrigues)
(Foto: Alanna Rodrigues)
(Foto: Alanna Rodrigues)
(Foto: Alanna Rodrigues)

Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

PROTEÇÃO ANIMAL

ALERTA

VITÓRIA

INVESTIGAÇÃO

FLÓRIDA

JAPÃO

AVANÇO

COMPORTAMENTO


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>