CONTEÚDO ANDA

Ex-fazendeiro deixa de explorar animais e inicia santuário para vacas, cavalos e galinhas

Os tempos estão mudando. Há um ano, Mike Lanigan, da terceira geração de uma família de fazendeiros, mudou seu coração e decidiu que simplesmente não queria matar as vacas de sua propriedade

Foto: Farmhouse Garden Animal Home/Facebook

Mike transformou o que era um comércio de carne em Ontário, Canadá, em uma fazenda de vegetais. Agora, a antiga fazenda é também um santuário de animais sem fins lucrativos chamado Farmhouse Garden Animal Home.

Foto: Farmhouse Garden Animal Home/Facebook

“Pensei que era hipócrita oferecer tanto amor e então você pode fechar a porta no final”, disse ele à CBC.

Foto: Farmhouse Garden Animal Home/Facebook

Mike lembra-se de tentar fazer com que bebê prematuro mamasse e questionar: “Por que estava tocando tanto o animal apenas para enviar o bezerro para a morte posteriormente?”

FAÇA PARTE DO #DiaDeDoarAgora EM 5 DE MAIO

O Farmhouse Garden Animal Home é um refúgio seguro para 31 vacas, três cavalos, três galinhas e um pato. Como parte dos esforços de sustentabilidade da fazenda, o estrume das vacas é utilizado para fertilizar a propriedade de 40 acres e produzir vegetais orgânicos, revela o One Green Planet.

Foto: Farmhouse Garden Animal Home/Facebook

A mudança para um santuário de animais foi comemorada por ativistas,  mas os exploradores de seres inocentes que atuam no bairro de Mike não são tão compreensivos. “No momento, penso que os fazendeiros se sentem atacados. Há muito ativismo animal realmente forte ocorrendo. Não percebi todas essas nuances de gerir um santuário para salvar minhas vacas”, afirmou.

Apesar disso, um fato é certo: todos os animais do Farm Garden Animal Farm são valorizados e nunca conhecerão os horrores de um matadouro, o que é realmente louvável.